dom, 11 de abril de 2021

Jornal A Plateia Digital - 03.04.2021

Última Edição

Desavença entre vizinhos termina em prisão por tráfico e posse irregular de arma de fogo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A situação seria diferente, não fosse pela chamada “desinteligência”. Este é o nome técnico usado pelas forças policiais para atender o que a população convenciona chamar de “briga”. E foi justamente após uma desinteligência, que uma parceria criminosa teve fim na noite da última quarta-feira, em Sant´Ana do Livramento. As guarnições da Brigada Militar foram acionadas para comparecer à rua Thomaz Albornoz, na região central da cidade, porque de acordo com as informações repassadas pela sala de rádio, no local estaria ocorrendo uma briga generalizada. Para surpresa dos policiais, ao chegarem no local a versão encontrada foi outra.
Ao tentar fazer contato com um dos homens, de iniciais J. da S.C., que fugiu para os fundos da residência e se desvencilhou de alguns objetos, os quais, em revista, verificou-se tratar de produtos entorpecentes e balanças de precisão utilizadas para pesar drogas. Ao ser questionado sobre a arma de fogo, ele disse que o outro homem, seu vizinho da frente, de iniciais R.R.L, seria o proprietário, e que a arma estaria no interior da casa. Ao ter a entrada franqueada pela mãe do suspeito, os policiais conseguiram, então, localizar um revólver calibre 32, enrolado em uma camiseta, no pátio da casa, próximo ao pé de uma árvore e desmuniciado.
Os dois homens receberam voz de prisão, um por tráfico de entorpecentes e o outro por posse irregular de arma de fogo e foram encaminhados à Penitenciária Estadual de Sant´Ana do Livramento.

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies