sáb, 16 de outubro de 2021

Aplateia Digital - 25/09/21

Última Edição

Bastideores – Edis Elgarte – 06/02/2021

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Transparência e privacidade

Mesmo com a instituição de diferentes e importantes instrumentos para a divulgação do ritmo da aplicação da vacina contra a Covid 19 em Livramento, algumas pessoas insistem em alardear – sem provas – supostas irregularidades no cumprimento da ordem de prioridade no recebimento da proteção. Até o momento, contudo, nenhuma evidência, além dos simples boatos, foi apresentada. O assunto chegou à Câmara de Vereadores, inclusive, obrigando os legisladores a buscarem informações para o esclarecimento dessas suspeitas. Uma primeira tentativa foi de que a Prefeitura divulgasse diariamente os nomes das pessoas vacinadas, possibilidade afastada sob a justificativa da preservação da privacidade das mesmas. Com isso, buscou-se outras formas de tornar o processo o mais transparente possível. O vereador Duda Amaral encaminhou pedido para que o Executivo divulgue, pelo menos, o cargo e lotação dos primeiros vacinados, o que permitirá dentro de poucos dias esclarecer definitivamente quem recebeu essas doses. Já o vereador Dagberto Reis fez uma visita à Vigilância Sanitária para saber como está sendo realizada a vacinação. Ouviu, da enfermeira Raquel Levy, que estão sendo seguidas as prioridades estabelecidas pelo Ministério da Saúde. Já foram vacinados os profissionais de linha de frente, que tratam com os pacientes positivos tanto na Santa Casa quanto em laboratórios e no CHS. O número de vacinados já chega perto de 1.400 pessoas. Mesmo que os nomes não sejam divulgados, a ordem de prioridades está sendo cumprida fielmente no município.

Visitas pela rede

Paralelamente à árdua missão de administrar o desequilíbrio nas contas entre custo operacional e a necessidade de bem atender à comunidade, a direção do hospital Santa Casa de Misericórdia vem buscando meios de tornar um pouco melhor os dias de seus pacientes e dos próprios funcionários do hospital. Uma das iniciativas busca viabilizar o contato das pessoas internadas com seus familiares e amigos – uma relação sabidamente positiva que contribui muito para a recuperação dos doentes – sem que, para isso, precise abrir mão dos protocolos de enfrentamento da Covid 19. A solução está na internet. Dentro de poucos dias, em parceria com o Provedor de Internet A PLATEIA, o hospital vai disponibilizar sinal Wifi grátis na Ala Covid e na Ala I do prédio, além da recepção. Com isso, os pacientes poderão ficar em contato com as pessoas que lhes são importantes durante a internação. O Provedor A PLATEIA disponibilizou o serviço sem nenhum custo para a Santa Casa. nem para os usuários.

Sem feriadão

Com o cancelalmento do carnaval, ponto facultativo normalmente decretado nos órgãos públicos deverá ser restrito exclusivamente à terça-feira, dia 16. A decisão será anunciada nesta próxima semana.

Assistente

A equipe diretiva da Santa Casa ganhou um novo integrante: Carlos Rafael Diogo Arnez assume no lugar Luiz Arrieta.

Sem luz

Problema dos cortes no fornecimento de energia elétrica, principalmente na zona rural de Livramento, vem incomodando produtores e moradores, que têm perdido horas de trabalho e até mesmo mantimentos perecíveis estocados. A reunião realizada nessa sexta-feira, 5, no Plenário da Câmara Municipal, por iniciativa do vereador Elso Alvienes, até permitiu uma aproximação com a empresa, mas muitos vereadores saíram sem saber direito as causas e qual a solução para o problema.

Tem carnaval

O cancelamento do carnaval oficial em todo o país, por conta da pandemia, não significa que os festejos momescos passarão em brancas nuvens, na semana que vem. Em Livramento, a Liga das Escolas de Samba programou uma live com representantes de algumas das entidades carnavalescas locais. O evento será transmitido na segunda-feira, 15, às 21 horas, com patrocínio cultural da Lei Aldir Blanc.

Vereadores

A composição da Câmara de Vereadores de Livramento teria voltado a ocupar espaço na pauta do MP. Uma ação estaria questionando mais uma vez o número de vereadores, considerando a estimativa populacional feita pelo IBGE, de pouco mais de 77 mil habitantes. Para 17 vereadores, Livramento teria que ter mais de 80 mil moradores. Abaixo disso, as vagas na Câmara caem para 15.

Diálogo

Mesmo em meio a um momento crítico na área da educação, devido aos problemas com o concurso público, a secretária Sandra Pontes, que responde também pela pasta da Cultura, vem procurando abrir canais importantes com representantes do setor. Uma das ações já foi o começo das tratativas para a volta do carnaval de escolas de samba, corretamente compreendido como também cadeia produtiva importante para o aquecimento da economia santanense. O assunto foi pauta de reunião que ela manteve com a presidente da Liga Independente das Escolas de Samba – LIESA, Denise Toledo (foto) e membros da diretoria da entidade. A proposta é viabilizar a retomada do carnaval internacional já no ano que vem, se a pandemia permitir.

Dinheiro novo

O conceito de que não adianta mais “secar gelo”, cobrindo os custos operacionais da Santa Casa com recursos que deveriam ser destinados a outras áreas, parece ganhar corpo na visão político-administrativa do novo Governo. É consenso a necessidade de criar novas fontes de receita. Ideias como atrair o atendimento de convênios, especialmente do SISPREM, e vincular receita de serviços como o estacionamento rotarivo, em criação, ganham espaço nas discussões sobre alternativas para a eterna crise financeira do hospital.

“Fazedores” de arte

O grupo de artistas e promotores culturais envolvidos na criação da associação para representar a categoria dos chamados “fazedores” de cultura em Livramento já definiu a formação de uma diretoria provisória, coordenada pelo tradicionalista e produtor cultural Rui Rodrigues. A diretoria terá 90 dias para estruturar a entidade e realizar a assembleia para eleição da primeira diretoria.