Números do Conselho Tutelar revelam incidência de abusos em Livramento

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Nesta semana, o Conselho Tutelar divulgou os dados referentes aos seus atendimentos no primeiro semestre de 2020 em Sant’Ana do Livramento. Ao todo, foram 475 ocorrências envolvendo menores de idade, sendo, em sua grande maioria, violência. Entre os números mais altos estão os fatos de violência física, que somam 36 e também o abuso psicológico, que chegaram à monta de 47 casos.
Um dos números que mais chama a atenção é o de casos de violência sexual que, no período indicado, foram 15 ocorrências, em uma média de mais de dois casos por mês. Também através do levantamento, é possível saber as regiões da cidade onde os casos foram registrados com mais frequência, neste caso, no primeiro semestre, foi a região central. Ainda segundo a tabulação, foi possível entender quem foram os autores das violações. Além dos demais membros da família e amigos, os maiores infratores foram as mães, totalizando 42 atos, seguidas pelos pais, que foram responsáveis por 36 ocasiões.
De acordo com o Coordenador do Conselho, Romário Coelho, os dados são bastante prejudicados por uma série de fatores, um deles é a falta de informação. “A maioria foi no centro porque o centro chegou até nós. No bairro, a situação não chega até nós. A questão da informação, da divulgação, é importante”, comenta.
Questionado sobre o quanto a pandemia do novo Coronavírus influenciou no aumento do número de casos desse tipo, Coelho diz que o momento também contribui, mas não é o único. “Às vezes sim e às vezes não. […] Com certeza tem mais casos, só que eles são tapados e não chegam até o Conselho. A pandemia é mais um dos fatores que também influencia. […] A escola, que é o primeiro contato, onde as professoras percebem mudança do comportamento, não está funcionando, então não tem a questão da visão. O abuso acontece com pandemia ou sem pandemia”, concluiu.

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies