Dupla de goleiros santanenses estão a poucos dias de descobrir o resultado do teste

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Após uma semana de testes intensos, goleiros aguardam a tão esperada resposta

A dupla de goleiros Guilherme e Ryan retornaram essa semana para Sant’Ana do Livramento, após uma semana em Curitiba realizando treinamentos na sede das categorias de base do C.R. Flamengo.
Dupla embarcou, com destino à capital paranaense, no último dia 24 de janeiro. A dupla chegou na segunda-feira dia (27), e iniciaram já com um trabalho forte para testar os garotos da fronteira. Eles ficaram isolados da família que os acompanharam e 100% do tempo no Centro de Treinamento foi focado para atividades específicas como treinamentos voltados para mais agilidade e também para os meninos conhecerem como poderá ser o dia a dia após a provação.
Os goleiros Guilherme e Ryan realizaram dois amistosos enquanto participavam deste intensivo. Segundo Rogério Tavares, pai de Guilherme, os goleiros estavam bem e apresentaram aos treinadores do Flamengo o que a família esperava, realizando defesas difíceis: “A dupla participou de dois amistosos durante o intensivo. O segundo jogo foi de grande exigência dos goleiros da fronteira. A partida aconteceu abaixo de chuva, deixou tudo mais difícil, porém, a qualidade técnica dos garotos foi notória ao analisar o placar de 4 x 0 para o C.R. Flamengo”.

Dupla de goleiro santanenses já retornou a cidade – (Foto: Matias moura/ap)

Guilherme Tavares contou um pouco sobre como foi a experiência na base do rubro-negro: “Foi muito legal fazer novas amizades. Rotinas diferentes e a adaptação foi fundamental. A rotina de atleta é sensacional. Fica na lembrança a gentileza dos funcionários de lá e minhas defesas difíceis. Um ponto complicado foi o monitoramento de rotina onde não estava acostumado. Se não foi dessa vez, continuarei firme na luta e buscando meu espaço no futebol”, conta.
O goleiro Ryan comentou seus momentos nos treinos: “O intensivo foi muito bom, embora os exercícios já serem conhecidos e praticados pelo treinador Bernardo Mendes. A experiência foi incrível. A rotina foi um ponto chave e conquistar nossos espaços durante essa semana foi fundamental. Destaco uma defesa que fiz, onde o atacante do time da base, que já contava com melhor entrosamento, entrou livre na área e minha saída foi fundamental e consegui impedir o gol. Após isso, recebi aplausos da torcida que lá assistia”, conta.
O resultado da avaliação sairá em breve. Que o resultado seja positivo para os dois goleiros santanenses.