Identificado homem que morreu após ser prensado por caminhão contra poste

Acidente aconteceu após o caminhão que conduzia perder os freios

Um trágico acidente entristeceu moradores da Vila Santos no fim de tarde de terça-feira (5), em Sant’Ana do Livramento. O que parecia ser um dia normal se transformou em uma verdadeira tragédia.
Um trabalhador acabou morrendo prensado contra um poste, o homem de aproximadamente 30 anos, natural de Alegrete, fazia entregas na cidade no caminhão de bebidas da Cervejaria em que trabalhava. Ao chegar no local da sua entrega, à Rua Athos de Andrade, e descer para iniciar mais uma entrega notou que seu caminhão começou a perder os freios iniciando a descida pela rua, desgovernado. Em uma tentativa arriscada de parar o seu caminhão, o condutor saiu em disparada tentando entrar na cabine e efetuar a frenagem pelo pedal, o que, infelizmente, se transformou em uma tragédia. O motorista conseguiu realizar a etapa inicial de frenagem, porém acabou prensado contra um poste da rede elétrica.
O alegretense, Édson Luiz Cambraia dos Santos, de 33 anos trabalhava, há três anos, na empresa Alegretense Comercial de Bebidas Bedinoto, que está prestando todo auxílio aos familiares. O diretor da empresa, Renê Bedinoto, e os colegas estão chocados com o ocorrido.
Os populares que moravam nas redondezas do acidente rapidamente acionaram as equipes do Corpo de Bombeiros e também a Brigada Militar. Ao chegarem no local iniciaram o processo de resgate, porém o corpo do motorista já não estava reagindo.
O motorista chegou a ser encaminhado para a Santa Casa de Misericórdia, mas, nada mais pôde ser feito. Sua morte foi confirmada no momento em que chegou ao Pronto Atendimento da Santa Casa Misericórdia.

Problemas que podem interferir no funcionamento do sistema de freios:

Superaquecimento – Quando as lonas e tambores estão em mau estado, o acionamento dos freios pode resultar em superaquecimento do sistema. Nessa situação, o atrito entre os componentes diminui, reduzindo a eficiência da frenagem do caminhão.
Pressão do ar – O sistema de freio da maioria dos caminhões é pneumático, ou seja, funciona por meio da pressão exercida pelo ar. Se essa pressão não estiver devidamente regulada, ou se o sistema apresentar vazamentos, a frenagem do caminhão pode ficar comprometida.
Fluido de freio – Nos caminhões que possuem sistema de freio hidráulico, a pressão nos componentes é exercida pelo fluido de freio. Para isso, ele apresenta algumas características especiais, como a baixa compressibilidade a alto ponto de ebulição.
Excesso de carga – Caminhões que carregam cargas com peso superior ao limite permitido podem apresentar problemas não somente no sistema de freios, mas também nos amortecedores, suspensão e pneus.

João Victor Montoli
Joao@jornalaplateia.com

Grupo Aplateia

Adicionar Comentário