Taxista é preso por receptação pela Polícia Civil

A Polícia Civil depois de um trabalho de inteligência prendeu um indivíduo na rua Vasco Alves pelo crime de receptação. A ação aconteceu na tarde desta quinta-feira (22), na área central da cidade.
Trata-se de um taxista que já havia sido preso na segunda-feira (19), pelo mesmo delito. Desta vez, o homem estava em posse de um televisor de 32 polegadas que fora furtado de uma quadra de esportes na rua Vasco Alves. Ele foi levado até a delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, onde foi apresentado às autoridades e ficou à disposição da Justiça. Durante a oitiva do sujeito, ele mencionou uma pessoa que seria o autor dos furtos.
Imediatamente foi informado à Brigada Militar que começou as buscas pelo indivíduo, que foi localizado dormindo em cima dos banheiros da praça General Osório. Esta segunda pessoa também foi presa pela Brigada Militar e encaminhado ao Pronto Socorro para exames de praxe e na sequência levado à DPPA onde ficou detido prestando esclarecimentos.
O taxista foi preso em flagrante e encaminhado à Penitenciária Estadual de Sant’Ana do Livramento.
A Coopertaxi se manifestou sobre a prisão deste indivíduo: “Obtivemos algumas informações da internet e houve uma generalização, isso é errado. Nós seguimos à risca todas as normas, lamentavelmente isso não é somente de responsabilidade do Sindicato. Nossos carros passam por vistorias todos os anos e nossa comunidade tem a segurança que os alvarás estão em ordem. É obrigatório ter o alvará de taxista, curso de taxista e carteira de habilitação remunerada. Obtivemos informações do Secretário de Trânsito que será exigida de todos os motoristas o alvará, negativa de ficha policial e tudo isso irá beneficiar o cliente”.

Grupo Aplateia