qua, 17 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Uma área para o parque tecnológico da Fronteira

O Grupo de Trabalho do Parque Tecnológico Binacional, que será implantado na fronteira Sant’Ana do Livramento/Rivera com recursos na ordem de R$ 46 milhões viabilizados através do Focem, já começou uma procura pela área para a construção da estrutura física desse espaço de estímulo à tecnologia e inovação. A ideia é que esse Parque represente “a criação de uma nova dinâmica econômica e geração de novos postos de trabalho” na fronteira, conforme prevê o vereador Rafael de Castro, que integra o GT. Nessa semana, junto com outros membros do grupo, acompanhados pelo secretário municipal de Planejamento e Meio Ambiente, Paulo Ecoten, ele participou de visita técnica (foto) para identificação de possíveis terrenos onde possa ser construído o Parque. As possibilidades foram apresentadas pelo próprio Secretário. O espaço contará com laboratório e salas de aulas e ainda haverá a construção de um ‘braço social’ do Parque Tecnológico, em terreno que será cedido pela União para essa finalidade. Rafa Castro e o professor Rafael Schmidt, da Unipampa, representando o GT, também estiveram reunidos, nessa semana, com a Cônsul do Brasil em Rivera, Ana Lélia Beltrame, para tratar sobre a cedência do imóvel e para articular agenda em Brasília para uma delegação, composta pela própria Cônsul, pelo Vereador, pelo reitor e professores da Unipampa e IFSUL, entre outros. Nessa missão, buscarão mobilizar os deputados da bancada gaúcha a fim de que indiquem emendas para compor a contrapartida local para a construção do Parque Tecnológico.

Para onde ir? PODEMOS indefinido

Depois que já estar quase definido em relação à eleição para a Prefeitura nas próximas eleições, o PODEMOS deu um passo atrás e precisará mais um tempo para decidir entre apoiar a candidatura à reeleição da prefeita Ana Tarouco, manter-se neutro (liberando seus candidatos e filiados a apoiar quem quiserem) ou fechar com alguma das outras candidaturas. As manifestações que se ouve indicam um nó bem difícil de desamarrar.

Momento de alçar voo

O Aeroporto Binacional já está homologado pelos presidentes Lacalle Pou, do Uruguai, e Luis Inácio Lula da Silva, do Brasil, mas ainda enfrenta algumas dificuldades burocráticas e de mercado para começar a operar definitivamente. O atual momento, em que a disponibilidade de todos os modais de logística e mobilidade são super-requisitados, precisa entrar em funcionamento o mais rápido possível. Essa pauta fou levada nessa semana ao novo Ministério da Reconstrução do RS pelos vereadores Dagberto Reis e Aquiles Pires, pré-candidato a prefeito pelo PT. Acompanhados pelo presidente do partido em Livramento, Fabrício Peres, os dois estiveram reunidos em Porto Alegre com o secretário extraordinário do Ministério, Maneco Hansen (foto), e pediram agilidade ao Governo Federal nesse encaminhamento. Defenderam principalmente que o atual momento de realocação de empresas no Estado pode ser uma oportunidade para Livramento no transporte, não só de passageiros, mas principalmente de cargas.

Prestígio estadual

Nessa última semana, representado pela pré-candidata a vereadora Alexandra Mendes Quevedo, que esteve reunida em Porto Alegre com o presidente da Executiva Estadual, Everton Braz, e com o dirigente partidário Atidor da Cruz (foto), o PODEMOS recebeu a confirmação das presenças da direção estadual do partido em um grande evento de mobilização que via realizar no próximo dia 10 de julho, na sede local da ABAMFº dos Cabos e Soldados da BM. Além da direção estadual, o evento deverá contar com as presenças de deputados e outras lideranças, entre as quais o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, deputado estadual Ronaldo Santini, e o ex-deputado estadual Maurício Dziedricki, atualmente suplente de deputado federal e diretor do Badesul e uma das principais referências do partido no Rio Grande do Sul.

Projeto com a participação comunitária

O União Brasil segue firme no discurso e no propósito de renovação da política local, principalmente a partir da participação ativa da comunidade nas instâncias de construção de soluções eficazes para os desafios de Sant’Ana do Livramento. O partido entende que a preparação para as eleições de 2024 precisa refletir seu compromisso com a transparência e com a responsabilidade na gestã e, nesse sentido, foi buscar na credibilidade e experiência do conhecido médico Nelson Eula a representação desse “compromisso firme com a maturidade política e o desenvolvimento sustentável da cidade”, apresentando-o como pré-candidato para a eleição majoritária. O vereador Jovani Romarinho, que lidera esse movimento partidário, destaca a importância de um projeto político sólido e voltado para o bem-estar da população. O Doutor Eula, reconhecido por sua trajetória profissional e engajamento com as causas sociais, “traz uma visão inclusiva para a Administração municipal”, defende. O objetivo do União Brasil, nas palavras de Romarinho, é promover políticas públicas eficientes, que tragam progresso e qualidade de vida para a comunidade.

Nominata consistente 

Independente da posição que o partido venha a tomar em relação à chapa majoritária, a Comissão Executiva Municipal do PODEMOS focou na construção de um lastro eleitoral consistente, muitode olho nas regras do pleito deste ano. O evento do dia 10 servirá exatamente para apresentar à comunidade sua nominata de pré-candidatos.

Presidente e auditores do TCE-RS participam de painel sobre calamidade pública na Famurs

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS), conselheiro Marco Peixoto, e os auditores de Controle Externos, além da diretora-geral, Ana Lucia Pereira; do diretor de Controle e Fiscalização, Roberto Tadeu de Souza Júnior, e o coordenador da Consultoria Técnica, Evandro Homercher, integraram hoje (17), o painel “Atuação dos poderes e órgãos de justiça e controle nas ações de