qui, 18 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Associação Brasileira de Dohne Merino participa da Gira Internacional em Livramento, Paysandú e Tacuarembó

Conforme o ovinocultor santanense Fernando Martins, presidente da entidade, o evento serve para troca de experiências entre produtores brasileiros e uruguaios

Trocar conhecimento, fortalecer os laços de amizade e, principalmente, unir forças para a difusão da raça, estes foram os principais objetivos da Gira Internacional, promovida pelas Associações de Criadores da Raça Dohne Merino no Brasil e no Uruguai. O encontro técnico aconteceu nos dias 30 e 31.
A Gira iniciou na quinta-feira (30) pela parte da manhã, com visitação à propriedade rural “Los Paraísos”, na ruta 26, em Paysandú, Uruguai, com uma mostra dos rebanhos da propriedade e uma palestra a cargo dos representantes do Secretariado Uruguaio da Lã ( SUL). Já durante a tarde, a programação contou com uma visitação técnica ao Instituto Nacional de Investigação Agropecuária (INIA), em Tacuarembó, para conhecimento sobre o trabalho desenvolvido no país vizinho sobre carne e lã ovina.
O evento prosseguiu na sexta-feira (31) em solo brasileiro, desta vez com visitação à Cabanha Mata-Olho, com uma amostra do rebanho geral, bem como o beneficiamento de lã Dohne Merino na propriedade. Na sequência, foi realizada uma roda de conversa sobre a mediação técnica do presidente da ARCO (Associação Brasileira de Criadores de Ovinos) Edemundo Ferreira Gressler e do superintendente adjunto técnico da ARCO, Sérgio Munhoz, que dissertou sobre o “Panorama sobre a Ovinocultura no Brasil”. Também foi realizada uma rodada de conversas com o engenheiro agrônomo e ovinocultor Alberto Capurro sobre a “Evolução e tendência da raça Dohne Merino no Uruguai”. Após o encerramento das atividades, foi realizada uma reunião dos técnicos da ARCO.
Para o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Dohne Merino, Fernando Martins, eventos como esse são fundamentais para o desenvolvimento da raça. “Nós estamos trabalhando para difundir a raça no Brasil, uma vez que é considerada de duplo propósito, produzindo lã muito fina e uma carne de sabor diferenciado. Esta é uma raça que está se expandindo aqui no Rio Grande do Sul e foi criada na África do Sul, tendo uma entrada muito grande na Austrália, que hoje, são os dois principais países produtores. E está se adaptando muito bem no Uruguai, Argentina e Chile. E agora, nós, como criadores do Rio Grande, juntamos um grupo para formar a Associação com o único objetivo de difundir. Ela é uma raça de duplo propósito, com uma lã fina que o mercado procura, sendo abaixo de 22 micra, e uma carcaça de excelente qualidade que nos apresenta um cordeiro precoce, com bom acabamento. É uma raça que veio para contribuir com a ovinocultura do estado e do Brasil. E nós esperamos trabalhar para difundi-la”.

Lorenzoni e Camozzato oficiam MP de Contas sobre projetos do governo que reestruturam carreiras

Os deputados Rodrigo Lorenzoni (PL) e Felipe Camozzato (NOVO) protocolaram na tarde desta quarta-feira (17), no Ministério Público de Contas do Estado do Rio Grande do Sul, ofício alertando o Procurador-Geral Ângelo Borghetti sobre possível manobra fiscal imprudente e gestão temerária por parte do governador Eduardo Leite.   A decisão de recorrer ao MPCRS foi tomada após os deputados conhecerem