qua, 17 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Novas imagens mostram início da confusão que terminou com um agredido em saída de bar

Defesa de preso preventivo alega que homem reagiu após ser agredido por tentar separar a briga

No dia 1º de março de 2024, por volta das 5h35min, uma briga em via pública na rua Vasco Alves, proximidades de um bar, ganhou grande repercussão nas redes sociais, após a divulgação de imagens de câmeras de segurança que mostraram um jovem sendo agredido por um grupo de pessoas.
O homem, alvo das agressões, chegou a dar entrada no Hospital de Rivera, resultando com várias escoriações pelo corpo e uma fratura no nariz. Conforme o BO, a vítima possui nacionalidade uruguaia, e informou ter sido agredida por seis indivíduos. O fato foi registrado como tentativa de homicídio e o Ministério Público já ofereceu denúncia.
Novas imagens, diligenciadas pela defesa técnica de Igor Matheus Kessner Pires D’Ávila, preso preventivamente por envolvimento na confusão, e que aparece agredindo a vítima no vídeo amplamente divulgado nas redes sociais, mostram como a briga teria iniciado. Segundo a defesa, Igor não tem envolvimento nenhum com as demais pessoas que aparecem no vídeo e que ao sair do bar e avistar a vítima já transtornada em via pública, tentou convencê-la de se acalmar, sendo nesse momento agredido com um soco no rosto, conforme nota enviada à reportagem:
A nova Defesa Técnica de IGOR MATHEUS KESSNER PIRES D’ÁVILA se pronuncia quanto aos fatos ocorridos em 01.03.24, na frente de um bar em que foi vítima Willian Roberto Francia Marquez manifestando, em primeiro lugar, seu absoluto respeito ao jovem ferido e aos seus familiares, lamentando que os fatos tenham se desencadeado na forma e pelas vias que assim foram. Em segundo lugar, assenta de forma veemente, que Igor jamais quis ou assumiu o risco de tirar a vida da vítima sendo, inclusive, quem deteve as ações agressoras dos demais envolvidos, fazendo com que as hostilidades cessassem. Por último, destaca que o acusado é primário, contrário a qualquer forma de violência, não oferece risco à comunidade santanense, e estará à disposição da Justiça e comprometido para que no decurso do processo, os fatos sejam devidamente esclarecidos. – Richard Nogueira, advogado criminalista.
A defesa ainda destaca que no vídeo das agressões divulgado, é possível ver, no final, Igor afastando os demais réus, fazendo cessar as agressões, o que permitiu que a vítima se retirasse do local.

Executivo pode estar querendo induzir Legislativo a irregularidade, adverte Lorenzoni

Depois de conhecer a estimativa do governo para o custo do pacote que prevê a reforma nas carreiras do funcionalismo, o deputado Rodrigo Lorenzoni foi à tribuna da Assembleia Legislativa RS, para manifestar suas principais preocupações. A bancada do PL, segundo o líder Rodrigo, “respeita, reconhece a importância do trabalho do servidor público e, da mesma forma, reconhece a legitimidade