seg, 4 de março de 2024

Aplateia Digital | 02 e 03.03.24

Última Edição

Pavimentação com pavers nos bairros de Livramento começa pela Santa Rosa

Anúncio foi feito no início da semana na rua Pedro ngelo Barse
Rua começou a ser preparada na vila Santa Rosa (Foto: Matias Moura/AP)

A prefeitura anunciou, nesta semana, que iria iniciar em breve a colocação dos pavers em bairros do município, começando pela rua Pedro ngelo Base, na vila Santa Rosa. Esta é uma demanda antiga da população que sofre com problemas de infraestrutura nas regiões mais afastadas do centro. Em uma coletiva de imprensa, realizada no local, a prefeita Ana Tarouco destacou a importância de atender toda a comunidade. “Começamos a fase de colocação dos pavers como nós tínhamos anunciado no ano passado quando ocorreu a licitação. Nosso cronograma irá iniciar pela Santa Rosa passando pelo Jardim Alvorada e a Simón Bolívar neste primeiro momento. Sendo que é necessário fazer uma obra completa com drenagem, abertura de bueiros e preparo do solo e terraplenagem. Todo esse investimento no seu total é de quase 4 milhões de recursos próprios, sem recurso da esfera federal”, disse.
O secretário de Obras, Dilmar Rodrigues, destaca que a colocação do pavimento melhorará a trafegabilidade das pessoas, mas que é preciso ter paciência pois a obra é realizada por etapas. É um grande passo que a gente está alcançando hoje, que é um projeto que vem sendo estudado há bastante tempo que é a trafegabilidade. Escolhemos a Santa Rosa para iniciar aqui porque é um bairro que está precisando bastante por conta das chuvas. Pedimos compreensão da população, pois a partir de agora haverá trânsito de máquinas pesadas, aberturas de ruas para a realização da drenagem e tudo isso gera bastante transtornos, mas esse é mais um dos compromissos da gestão Ana e Evandro, trabalhar pela cidade no centro e nos bairros e também no campo” disse.
Segundo o secretário, o custo da obra é de R$ 3,8 milhões, divididos em etapas iniciando com a fase 1 na Santa Rosa. “A nossa expectativa, após ter feito todo o trabalho de drenagem e colocação dos bueiros e preparação de terreno, é claro, é que a empresa realize a colocação de 200 metros de pavers por dia, mas é claro, primeiro precisamos fazer todo o trabalho de terraplanagem aqui no local. A previsão é que até o final de março toda a fase 1 esteja completada”, destacou.
Questionado sobre a cobrança da população por melhorias nos bairros, o secretário disse que a Pasta vem cumprindo um cronograma de manutenção, mas que infelizmente os grandes volumes de chuva registrados nos últimos meses acabam atrasando e prejudicando aquilo que já foi feito. “Então todo o trabalho que foi realizado pelas nossas equipes em alguns bairros acabou se perdendo em relação à patrolagem e compactação, e nós tivemos que refazer. Nós entendemos as cobranças, mas peço um pouco de paciência à comunidade porque estamos trabalhando com três patrolas aqui na zona urbana. Então, estamos trabalhando com a colocação de material, com a abertura de valetas e também com a compactação. Por exemplo, em alguns pontos da cidade temos problemas por conta do terreno que não ajuda muito com o relevo. Então, é esse o compromisso que a gente tem e quer colocar em prática, fazendo que as coisas aconteçam, e uma delas é a melhoria da infraestrutura dos bairros.