seg, 15 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Policiais da Força Tática recebem Moção de Reconhecimento em Santa Vitória do Palmar

Em atuação durante a Operação Golfinho, os policiais da Brigada Militar destacaram-se no combate ao crime organizado na modalidade tráfico
Soldado Juliano Espinosa, tenente Kleber Arduvino e soldado Michel Ramos com a Moção em mãos (Foto: Debora Castro/AP )

Na última sexta-feira (11), a Câmara de Vereadores da cidade de Santa Vitória do Palmar, encaminhou ao comando do 2º Regimento de Polícia Montada (RPMon), uma Moção de Reconhecimento pelo trabalho realizado na Operação Golfinho por policiais militares de Sant’Ana do Livramento.
Receberam a Moção os soldados Michel Everton Ramos Gomes e Juliano César Batista Espinosa, integrantes da Força Tática, que atuaram diretamente na prevenção e repressão no combate ao crime de furto, tráfico de drogas e outros delitos, na cidade em questão.
O comandante da Força Tática, tenente Kleber Arduvino, declarou sua satisfação pelo reconhecimento do trabalho dos soldados e destacou que todo o efetivo da Força Tática está no mesmo nível, por se tratar de um efetivo pré-selecionado. “A Força Tática tem procurado se especializar cada dia mais com seus integrantes. Eles fazem cursos, praticam artes marciais, além de outras atividades que trazem benefício para o policiamento”, salientou o tenente.
Para o soldado Juliano Espinosa, policial militar desde o ano de 2017, foi muito gratificante receber o reconhecimento. “Assim como na nossa cidade, em qualquer região do Rio Grande do Sul, tentamos empenhar ao máximo de dedicação e elevar o nome da Brigada Militar em todas as ações. Agradeço, nesse momento, principalmente o comando da Força Tática e do Regimento pelas ações e treinamentos, que com certeza é um fator determinante para que as nossas ações de polícia sejam feitas com o melhor desempenho e da melhor forma possível”, ressaltou Espinosa, que desde o ano de 2020 compõe o efetivo da FT.
Para o soldado Michel Ramos, que está na BM desde o ano de 2009, os índices de prisões e apreensões foram satisfatórios em relação ao trabalho realizado no balneário da Barra do Chuí. “Nós trabalhamos por dois meses no município, graças ao nosso trabalho, ao efetivo que estava lá e toda equipe, tivemos excelentes índices de prisões e ficamos muito felizes com o reconhecimento da população. Nós temos treinamento toda semana, participamos de cursos e sempre procuramos nos especializar naquilo que nós fazemos. Estamos sempre nos aprimorando para oferecer um serviço melhor para a comunidade”, frisou Ramos que faz parte da FT desde 2021.
De acordo com a Moção, entregue pelo vereador Edenilson Araujo Souza (PSB), o período de permanência dos policiais santanenses na Barra do Chuí, gerou o maior índice de prisões e apreensões na Operação Golfinho. Ao todo foram três ocorrências de tráfico de entorpecentes, quatro armas de fogo apreendidas, diversos produtos recuperados que estavam sendo entregues em bocas de fumo, recuperação de um veículo roubado, uma prisão por roubo, uma prisão por furto qualificado, uma prisão por dano qualificado e duas prisões por Maria da Penha.

Em reunião com governador, Lorenzoni questiona impacto de plano que vai aumentar salário do funcionalismo

O líder da bancada do PL, Rodrigo Lorenzoni, acompanhado do deputado Claudio Tatsh, esteve reunido com o governador Eduardo Leite e secretários de Estado na tarde desta segunda-feira (15). A pauta do encontro foi o plano Reconstrução do Rio Grande – Estratégia de Pessoal, já apresentado a deputados da base, a entidades e a parlamentares do PT, PSOL e PCdoB

Associação dos consórcios públicos gaúcho visita o presidente do TCE-RS

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS), conselheiro Marco Peixoto, recebeu esta tarde (15) a visita da diretoria da Associação dos Consórcios Públicos (AGCONP). Também estiveram na reunião representantes de 19 associações. Durante o encontro, as entidades agradeceram e destacaram a importância da atuação do Tribunal na garantia da aplicação correta dos recursos públicos. O presidente Marco Peixoto