qui, 18 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Paciente que esteve na UTI por COVID-19 recebe alta nesta segunda-feira

Internada há mais de um mês na Santa Casa de Misericórdia de Sant’Ana do Livramento, Ordalina Inácio, de 75 anos, recebeu alta médica no início da tarde desta segunda-feira, dia 27. A idosa foi um dos primeiros casos positivos de Coronavírus (COVID-19) do município e, recentemente, chegou a ser transferida para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Após alguns dias em isolamento nesta área o quadro de saúde da idosa, que era considerado gravíssimo, apresentou uma evolução bastante positiva, tanto que na terça-feira passada, dia 21, a paciente deixou a UTI. Na oportunidade, Glaura Inácio, filha de Ordalina, registrou a cena da mãe deixando a ala sob forte aplauso da equipe de profissionais da saúde que acompanharam o tratamento da idosa. O vídeo, publicado em uma rede social, rapidamente recebeu diversos likes, compartilhamentos e comentários de apoio à Ordalina.

Hoje, a cena se repetiu, mas desta vez, ao invés do quarto do hospital, Ordalina voltava para casa. Quem acompanhou a saída da paciente, novamente sob festa da equipe médica,  foi o repórter João Victor Montoli, que, durante o programa Boa Tarde Cidade!, da rádio RCC FM (95.3), conseguiu um breve depoimento da idosa.

Dentro do carro da família, pronta para deixar o hospital, Ordalina foi questionada sobre qual era a sensação de voltar para casa depois de mais de um mês de internação e disse: “Ah, não tem explicação. Depois de mais de 30 dias fora de casa, não só fora de casa, mas com tudo o que passou, isso é uma coisa maravilhosa. Chegar na minha casa de volta e saber que os meus netos estão lá me esperando, é simplesmente maravilhoso! É um presente de Deus. […] Ele me deu forças para que eu pudesse superar esse vírus tão horrível e graças a Ele e aos médicos, hoje eu estou voltando”.

 

Texto: Murilo Alves

Foto: João Victor Montoli/AP

Lorenzoni e Camozzato oficiam MP de Contas sobre projetos do governo que reestruturam carreiras

Os deputados Rodrigo Lorenzoni (PL) e Felipe Camozzato (NOVO) protocolaram na tarde desta quarta-feira (17), no Ministério Público de Contas do Estado do Rio Grande do Sul, ofício alertando o Procurador-Geral Ângelo Borghetti sobre possível manobra fiscal imprudente e gestão temerária por parte do governador Eduardo Leite.   A decisão de recorrer ao MPCRS foi tomada após os deputados conhecerem