seg, 4 de março de 2024

Aplateia Digital | 02 e 03.03.24

Última Edição

Situação da Rua Telmo Castro está insustentável para moradores da localidade

Os buracos viraram verdadeiras crateras e o esgoto está correndo a céu aberto diariamente na porta das casas

Após um forte período de chuvas, a Rua Telmo Castro literalmente cedeu em vários pontos e abriu vários buracos, desta vez os moradores pedem socorro porque uma obra foi iniciada no local mas está há alguns dias paralisada.
Novamente está rua volta a ser noticia, dessa vez a situação está crítica, os buracos viraram crateras e o esgoto está correndo a céu aberto na frente das residências. Vários moradores estão constrangidos em razão do esgoto da casa circular diariamente na porta. Os moradores anseiam uma ação rápida do órgão competente para o conserto dos encanamentos e pedem mais atenção do Poder Público com a rua central da cidade.

Segundo Valderis Torres, moradora da rua, a maior preocupação é pelo transito de crianças e pessoas da localidade, pois estão na eminência de cair nos buracos que não tem mais sustentação. “As pedras já estão desmoronando para dentro do buraco, o poder público jamais se importou. É difícil, sim. Mas tem que ter solução”, comenta.
Inclusive os banheiros da casa número 64 está sendo despejado no próprio buraco, por ordem do DAE, já que o cano quebrou e não tem como esgotar. “Está tudo exposto, tem cheiro ruim e esse odor invade as moradias. A situação está insustentável”, ressalta Valderis.
De acordo com o secretário de serviços urbanos, Ricardo Dutra, as obras na rua não foram terminadas assim como em uns dez pontos da cidade desde o momento do alagamento. “O cimento na cidade voltou a ser reabastecido há dois dias, bueiros já foram encomendados e devem chegar na próxima semana”, explica.
Espera-se que na próxima semana, as obras voltem ao normal, solucionando o mais breve possível a situação insustentável que os moradores estão passando.

Por: redacao@jornalaplateia.com