qui, 27 de janeiro de 2022

Aplateia Digital - 8 e 9/01/2022

Última Edição

Investigado por 11 casos de abuso sexual segue livre no interior de Livramento

Polícia pediu a prisão cautelar do homem até o final do inquérito, mas a Justiça negou
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Delegada responsável pelo caso, Giovana Müller (Foto: Nick Santos/AP)

A Polícia Civil de Sant’Ana do Livramento investiga um homem que teria cometido, pelo menos, 11 casos de abuso sexual contra crianças e adolescentes, no interior do município. Os crimes vieram à tona depois da manifestação do Fórum Binacional de Enfrentamento à Violência de Gênero, nessa semana.
Em uma carta, o grupo formado por mulheres da sociedade civil e órgão públicos, repudiou a forma de violência contra crianças e adolescentes, citando os casos. “…sentimos na pele, na mente e no coração a dor do conhecimento de atos de violência sexual contra crianças, adolescentes (…) sendo apontado um mesmo agressor. Isto é uma violência absurda que não conseguimos expressar com palavras, por isso clamamos por justiça para todas aquelas que sofreram violência e que continuam tendo que conviver com seus agressores, pois estes não estão sendo afastados. Também, por todas as pessoas próximas que sofrem junto e buscam por justiça. Nossa indignação e solidariedade àquelas vítimas que nem sequer conseguiram expor suas dores para que de alguma forma possam ser cuidadas”, diz o documento.
Após a manifestação do grupo, a delegada responsável pelo caso afirmou que existem 11 denúncias registradas e em investigação. Giovana Müller afirmou que a Polícia Civil solicitou ao poder judiciário a prisão cautelar e busca e apreensão, já que existe uma denúncia de posse de arma na residência do homem, mas o pedido foi indeferido por motivos técnicos. “O fato de não ter saído prisão, não significa que não haja justiça. Esse pedido de prisão é cautelar. (Como foi negado), ele vai responder esse inquérito, às denúncias e, lá na frente, a gente espera que ele seja condenado”, afirmou.
O homem segue residindo no interior do município, onde as investigações continuam. Para a delegada, enquanto não há prisão do homem investigado, é necessário cautela dos pais. “Cabe aos pais, se afastar do convívio desse indivíduo”, frisou.
Na carta, foram divulgados, ainda, manifestações de familiares: “Nós, mães, avós e tios, estamos pasmos com tudo o que está acontecendo! Eu, como avó, me culpo por não ter visto o que estava acontecendo, os sinais dados… O que mais me indigna é que pessoas junto ao convívio familiar sabiam e não fizeram nada! Mas a justiça será feita, pois só em retirar um meliante de nossa sociedade vamos seguir em frente e dar o apoio, carinho e muito mais para nossas meninas que a infância lhes foi tirada!!! Eu choro de dor e meu coração sangra porque deixei meu tesouro nas mãos de quem eu mais confiava!”.
Na próxima segunda-feira (20), às 14h, haverá uma manifestação na praça General Osório pedindo a prisão do homem.

How to write essays Overcoming https://www.affordable-papers.net/ Procrastination These guidelines will help you learn how to write essays. First, be sure that you know and understand

Programação de Hoje

  • 12:00 am: Programação RCC
  • 6:00 am: Desperta Rio Grande
  • 7:45 am: Jornal da Manhã
  • 10:00 am: Timeline
  • 11:00 am: Happy Day
  • 12:50 pm: Correspondente Ipiranga
  • 1:00 pm: Sala de Redação
  • 2:30 pm: Boa Tarde Cidade
  • 4:00 pm: Tarde 95
  • 5:30 pm: Conversa de Fim de Tarde
  • 7:00 pm: Programação RCC
  • 9:00 pm: Voz do Brasil
  • 10:00 pm: Programação RCC