dom, 11 de abril de 2021

Jornal A Plateia Digital - 03.04.2021

Última Edição

Livro escrito por jornalista santanense narra a história do “ Ginete do Século”

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Renalto Dalto, escritor do Livro “Coração de Cavaleiro” fala sobre a obra biográfica do ginete Vilson Souza, primeiro ganhador do Freio de Ouro e considerado ginete do século

Depois de mais de um ano de noites em claro e dezenas de conversas e pesquisas colhendo cada detalhe a campo, ouvindo as histórias da própria boca do seu personagem principal, o jornalista e escritor santanense Renato Dalto finalizou a obra biográfica intitulada ‘Coração de Cavaleiro” que conta em detalhes pedaços da história do homem que revolucionou a forma de conduzir um cavalo nas pistas, unindo a habilidade natural do homem campeiro com os ensinos da equitação clássica.

O livro narra a trajetória do ginete bageense Vilson Charlet Souza desde a sua infância e trabalho no campo até a conquista gloriosa do Freio de Ouro. O projeto foi idealizado pelo neto do homenageado Pablo Alves, que é curador da iniciativa – “Para mim é uma grande felicidade fazer parte deste projeto e contar a história do seu Vilson. Meu trabalho, hoje, é escrever sobre cavalos que é a minha grande paixão. O primeiro Freio de Ouro que acompanhei foi em 1991, e foi a primeira vez que o Vilson apresentou cavalos pelo centro de treinamento dele, o Marca 2. E me impressionou muito o jeito dele montar a sua equitação, o cara muito bem posicionado no cavalo – um talento nato. Conhecendo um pouco a sua história a gente vê que ele vem da escola do cavalo de carreira, depois quando ele passa pelo Exército em 1953 ele conhece um capitão, chamado Capitão Campos que dá para ele noções de equitação clássica – e ele pega muito aquilo. Então, na verdade ele é um cavaleiro muito campeiro, mas com uma formação mais polivalente. A partir daquele momento ele próprio diz que passou a entender o cavalo e criar a sua maneira de montar e conduzir os cavalos”, conta o jornalista.

Renato se diz honrado em poder contar essa história tão importante de um personagem que une a imagem do tradicional homem campeiro, mas que revolucionou o modo de equitação nas provas de campo pela sua forma tão peculiar de montar e conduzir um animal em pista.

O livro está sendo comercializado pelas mídias digitais e pelas bancas e livrarias especializadas. “ Por conta da pandemia, não tivemos um lançamento, isso ficará para um segundo momento. E a venda está acontecendo de forma digiltal”, comenta.

Foto – Samuel Bandeira – Na manhã desta terça-feira (2) o repórter Matias Moura , recebeu um exemplar autografado pelo autor Renato Dalto

 

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies