Livramento perde um filho ilustre: Renato Levy

O advogado, escritor e jornalista morreu aos 79 anos, no Hospital da Casmer, em Rivera
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Faleceu, neste sábado (1º), aos 79 anos, o advogado e escritor Renato Levy. Ele foi internado no hospital da Casmer, em Rivera, no início da semana com sintomas respiratórios e complicações cardíacas. A informação da morte de Levy foi confirmada pelo seu amigo, o radialista Antonio Carlos Valente.

Até os seus últimos dias, Levy assinava a coluna Medindo os Fatos, no site do Jornal A Plateia. Dono de um texto excepcional, a dedicação ao escrever suas crônicas era uma marca do jornalista. Durante mais de duas décadas, ele assinou a coluna Atos & Fatos, também em A Plateia.

Ao longo de sua carreira, o advogado, que logo após sua formatura foi contratado pela Diretoria do Guanabara Atlético Clube como advogado titular, levou sua experiência na área civil e trabalhista para a universidade. Foi professor de Direito da Urcamp, em Sant’Ana do Livramento. Seu trabalho também foi conhecido no comércio local, como empresário responsável pela loja Varejo Martins. Integrou a diretoria da Associação Comercial e Industrial de Livramento (Acil) e da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

Além de ter sido candidato a vereador, ocupou na Prefeitura o cargo de secretário Municipal de Administração, no mandato do prefeito Guilherme Bassedas Costa. Há pouco tempo Levy ainda atuava na política. Recentemente, deixou o cargo que ocupava de presidente do MDB, por problemas de saúde.

Renato de Mello Levy, que foi casado com Alice Gadret, deixa quatro filhos, netos e um número incontável de amigos. “Sinto e lamento profundamente sua morte. Sempre foi meu grande amigo. Descanse em paz no Reino do Céu”, afirmou Antonio Carlos Valente, em uma nota de despedida no seu Facebook.

A Direção do Grupo A Plateia lamenta a morte de Renato Levy e transmite os mais sinceros sentimentos de pesar a toda a família e amigos. Sem dúvida nenhuma, as páginas do Jornal A Plateia não serão as mesmas sem a contribuição deste ilustre santanense.