Advogado do prefeito diz que vai tentar reverter afastamento no tribunal de justiça

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Na tarde deste sábado 1º de agosto , o ex-deputado e advogado  João Luís Vargas divulgou nas redes sociais um vídeo informando  que pretende entrar com um agravo no tribunal de justiça do estado na tentativa de retorno do prefeito municipal Ico Charopen afastado do cargo novamente na noite desta sexta-feira 31 de julho por decisão judicial. Na visão de Vargas , que é o advogado do prefeito, o novo afastamento tem caráter politico partidário com o objetivo de denegrir e prejudicar a imagem de Ico Charopen meses antes das eleições municipais. – O seu amigo Ico tem sofrido muito nos últimos tempos, embora por decisões judiciais equivocadas. Em momento inadequado, pois estamos vivendo poucos meses antes das eleições. Ela tem um fundo partidário extremamente prejudicial à vida de um gestor que serve de exemplo para muitos outros gestores. Prefeito Solimar Charopen, amigo Ico , nós estamos viajando para ingressarmos com recurso junto ao tribunal de justiça. Dentro deste espaço que é possível como teu advogado ingressarmos com um agravo buscando recompor esta decisão de 1º que não tem, no nosso entendimento nenhum objetivo, se não o de prejudica-lo politicamente – disse.  

 

Sobre o afastamento

A Justiça Estadual afastou do cargo pela segunda vez, no fim da tarde desta sexta-feira (31), o prefeito de Sant’Ana do Livramento, Ico Charopen, como parte do processo por improbidade administrativa na contratação da Oscip (Ação Sistema de Saúde e Assistência Social), no ano 2018.

A Oscip foi contratada sem licitação para realizar  coordenar a seleção de professores e servidores para a rede escolar, em um processo que foi marcado por polêmica e curtiu aos cofres públicos do município em torno de R$ 18 milhões.

A nova determinação de afastamento de Ico Charopen e outras autoridades envolvidas no processo foi assinada pela Juíza Carmem Lúcia Santos da Fontoura ainda na tarde desta sexta-feira, mas a notificação às autoridades envolvidas somente aconteceu no início da noite. A então Vice Prefeita Mari Machado e o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Romário Paz, receberam as notificações praticamente no mesmo tempo, por volta das 19h30min, e imediatamente se deslocaram para o Palácio Moyses Vianna, onde o legislador deu posse à Mari, mais uma vez, no cargo de Prefeita Municipal.