Governo retira projeto de reforma administrativa no DAE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A prefeita Mari Machado (PSB) retirou da pauta dois projetos que retiram a exigência de curso superior para quem ocupar os cargos de diretor-presidente e diretor operacional do Departamento de Água e Esgotos (DAE) de Sant’Ana do Livramento. As matérias entraram em discussão na semana passada, no plenário João Goulart.
Na matéria, a chefe do Poder Executivo municipal reformulava a estrutura administrativa da autarquia destacando que as pessoas nomeadas para ocuparem os cargos devem ter, no caso do presidente, “capacidade administrativa, idoneidade e com, no mínimo, ensino médio completo”; no cargo de diretor operacional, “nível médio ou técnico”.
O projeto foi amplamente debatido, até que o vereador Ulberto Navarro Garrão (DEM), pediu vistas para poder analisar melhor o documento antes da votação, destacando que era uma matéria muito delicada.
Com a retirada da matéria, a discussão foi encerrada. “Ainda não sabemos se o governo não deve mandar outra matéria nesse sentido”, comentou o vereador Carlos Nilo.

Estado divulga dados sobre Safra da Uva

Nota de esclarecimento (10/07/2020):  os técnicos da Secretaria estão checando todos os dados da safra, porque eles podem sofrer algumas alterações em função dos novos números