ASPA passa por dificuldades financeiras para manter animais

Entidade que sobrevive de doações pede ajuda para manter 42 cachorros em seu canil

A Associação Santanense de Proteção aos Animais (ASPA) passou por dificuldades no início deste mês. A entidade ficou sem dinheiro em caixa para comprar ração para os mais de 40 animais que estão em seu canil. O motivo? Intervenções cirúrgicas em dois animais resgatados na semana passada.
A Vice-Presidente da ASPA, Juliana Lemos, relatou como foi o processo de resgate destes dois animais: “Fomos chamados até o Batuva por meio de denúncia, o cachorro da raça Dogo estava completamente debilitado, não conseguia caminhar, ele foi deixado ali para morrer. Graças a Deus com ajuda de alguns voluntários conseguimos levá-lo até ao veterinário para fazer a sua recuperação. O animal estava com sua condição clínica tão grave que até transfusão de sangue foi necessário realizar”, comenta.
Estes resgates exigem acompanhamento veterinário, o que gera um custo. Custo esse, que fez a associação passar por dificuldades com o estoque de ração: “Ficamos envolvidas com este resgate que não pensamos duas vezes para ajudar a salvar a vida daquele animal, o que, infelizmente, resultou na falta de verba em caixa para compra de ração. Temos padrinhos que contribuem mensalmente, mas estes valores conseguimos próximo ao meio do mês”.

Ajuda da população

Juliana postou na página da ASPA, no dia (5), um pedido de ajuda para arrecadar ração, pois o estoque era suficiente apenas para mais um dia. E no outro dia já havia várias doações, pessoas que defendem a causa animal e não deixaram de contribuir para que os pratinhos dos animais que um dia foram abandonados, não ficasse vazio. O lutador do UFC Eduardo Garagorri contribuiu levando vários quilos de alimento.
Ao todo, foram arrecadados mais de 400 quilos de ração, o que trará uma certa calmaria para a ASPA na questão de alimento. Juliana relatou que os animais comem cerca de 20kg por dia e essa contribuição evitou que as suas barrigas ficassem roncando.

Contribua sempre

O canil da ASPA fica localizado na rua Santa Catarina, 1015, entre o trevo da Urcamp com o trevo da Dom Pedro II. Para mais informações, a ASPA tem uma página no Facebook onde podem ser solicitadas informações. A entidade também possui um programa de padrinhos que contribuem mensalmente com este projeto.
Aos domingos, as voluntárias vão até o canil para realizar um carinho coletivo a todos os animais, quem quiser pode ir até o local para oferecer solidariedade e brincar com estes animais resgatados.

Mais de 300kg de alimentos foram arrecadados
(Foto: João Montoli/AP)

João Victor Montoli | Joao@jornalaplateia.com

Grupo Aplateia