Santanenses campeões no litoral gaúcho

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Atletas da Movimento subiram ao pódio em competição

A Movimento Cronometragem e Assessoria Esportiva enviou para o litoral do Rio Grande do Sul uma equipe composta por atletas santanenses e riverenses, levou ao revezamento de 25 km denominado “Summer 48k”, uma prova diferente de tudo o que já se viu. Uma prova de revezamento com largada da praia de Itapeva (48 km), e largada dos 25 km da praia de Arroio do Sal, todas as chegadas na praia de Capão da Canoa. A Movimento disputou com uma equipe mista: 4 homens e uma mulher.
A competição era constituída de 25 km na beira-mar, revezando 5 km para cada um dos cinco integrantes da equipe. O quinteto da fronteira superou o último recorde de uma equipe puramente masculina. Além do recorde das 9 edições do evento, a equipe formada por quatro homens e uma mulher venceu outra equipe que era composta apenas por homens, mostrando que não se deve subestimar a força de uma mulher.
A atleta Sameher Baja abriu a prova sem medo, correndo seu trecho muito bem. Na sequência, passou o chip para o atleta Igor Vila que o entregou, imediatamente, em segundo lugar para Luciano Garcia que correu o terceiro trecho, passando para o quarto atleta, William Vargas que assumiu a liderança na modalidade mista e passou para o atleta Nidgie da Silva com muita folga de tempo dos outros competidores. Nidgie da Silva, que já liderava a prova, para encerrar o evento com chave de ouro, ultrapassou o quinteto masculino, terminando assim de escrever história nas corridas de rua no litoral gaúcho.
A equipe tornou-se, então, soberana entre equipes femininas, masculinas e mistas, voltando para Sant’Ana do Livramento com o troféu e a felicidade para compartilhar com todos os colegas de modalidade: os corredores de rua. Parabéns aos campeões!

João Victor Montoli
Joao@jornalaplateia.com

Quebrando paradigmas – Eis a questão!

Sempre fui meio “fora da casinha”. Para os conservadores, uma disfuncionada precisando de ajuda psicológica; para outros, adiante do meu tempo. A história está aí