Bastidores – Edis Elgarte – 09/11/2019

A volta do fio de bigode

Verdade seja dita: a nova terminologia usada por detentores de cargo eletivo para anunciar, antes do período legal autorizado, sua decisão de trocar de partido, não passa de um eufemismo para definir o antigo porém contundente compromisso de honra – o popular acordo firmado no fio do bigode.
Não existe na legislação, de fato, nenhum outro instrumento que formalize a decisão de um político de sair de seu atual partido e filiar-se a outra sigla, a não ser assinatura, física ou digital, da ficha de filiação devidamente encaminhada para a indispensável homologação e inclusão no sistema pela Justiça Eleitoral.
Asituação de detentores de cargos eletivos é um pouco mais complicada que a do cidadão comum, em razão da regra que garante ao partido o direito de reivindicar a vaga de seu filiado eleito que decida trocar de sigla sem motivação justa. Para permitir aos políticos eleitos o direito de buscar novo ambiente partidário para continuar seu trabalho, a Lei Eleitoral oferece a “janela” para troca de partido durante 30 dias antes da data em que os partidos precisam atualizar sua relação de filiados. No caso, março.
Isso quer dizer que, para não perder seus mandatos, aqueles que pretendem anunciar a decisão de trocar de partido antes desse período poderão, no máximo, assumir um compromisso moral com seus novos companheiros – como estão fazendo alguns vereadores de Livramento.
Os “pré-filiados”, na condição de engajados voluntariamente e buscando a integração com a militância, podem inclusive participar normalmente das atividades partidárias, mas só poderão concorrer a cargo eletivo, seja para o Legislativo, seja para o Poder Executivo, caso formalizem antes de abril suas filiações nas siglas pelas quais concorrerão.

Somente março é que apontará de fato os destinos dos eleitos. Até lá, vale só a palavra empenhada.

Espírito progressista

O presidente da Câmara Municipal, vereador Maurício “Galo” Del Fabro, jogou esta semana a primeira pá de cal sobre as especulações quanto ao partido que escolherá em março para buscar a reeleição: reunido com os vereadores Danúbio e Carlos Nilo, da bancada do Progressistas, disse que esse é um partido com o qual se identifica tanto quanto com o PSDB, pelo comprometimento com a classe produtora, o agro-negócio, a visão liberal da economia. “Não adianta querer me afastar da minha essência”, explicou o tucano, sem esconder sua simpatia pelo Progressistas .

Procuradores gaúchos

A Federação dos Procuradores Municipais do Estado do Rio Grande do Sul promove sua reunião ordinária em Livramento, no próximo sábado, 16. O encontro pretende reunir procuradores de vários municípios do Estado com o intuito de debater assuntos diversos relacionados com a entidade.

Errata: “Wainer volta”
Corrigindo a informação divulgada anteriormente: O presidente do Instituto Salva Saúde, Jan Christoph Lima da Silva, confirmou um acordo judicial com o cirurgião ortopedista Roberto Aguiar, que retoma suas atividades já nesta próxima semana, e não com o ex-diretor Wainer Machado, como erroneamente informou a coluna. Roberto Aguiar foi afastado de suas funções no hospital após uma suposta recusa de atendimento denunciada pelo secretário municipal de Saúde, Enrique Civeira, que inclusive manifestou publicamente sua contrariedade com o acordo feito por Jan Christoph.
A coluna pede excusas pela confusão na troca dos nomes e agradece o alerta imediato feito pelo ex-diretor Wainer Machado sobre o erro.

Fim do contrato

Termina no próximo dia 23 o contrato de 6 meses do Município com o Instituto Salva Saúde para a administração da Santa Casa.

Experiência de gestão

Repercutiu positivamente a nomeação de Sérgio Perrim para a Secretaria Adjunta de Serviços Urbanos, no lugar de Felipe Torres Pinto, que deverá assumir outro cargo na Administração. Perrim atuou com reconhecida capacidade, durante mais de 20 anos, na gestão executiva do Clube Caixeiral – incluindo a coordenação das rotineiras atividades de manutenção das sedes social e campestre da entidade. Com certeza, uma experiência que será muito útil, agora, no exercício da nova função, ao lado do secretário Paulo Cardozo, que assumiu a titularidade da pasta esta semana. Perrim foi indicado para o cargo pelo vereador Romário Paz, que acompanhou o trabalho desenvolvido por ele durante vários anos na coordenação executiva do Clube.

Novas conversas

Enquanto individualmente as lideranças políticas continuam definindo seus passos futuros, os partidos que integram seguem dando voltas em busca das melhores composições para a disputa do pleito que se avizinha. Nos bastidores, as rotinas têm sido de reuniões. Nesta semana, entre outros, houve encontros de representação do PTB com a direção do PT, primeiro, e do PP, na sequência. Só conversas, por enquanto.

Novo avanço na ideia da guarda civil

A proposta de criação de uma guarda civil municipal pode dar mais um importante passo com a aprovação de um projeto que deverá ser encaminhado esta semana à Câmara de Vereadores: a adequação dos valores do risco de vida pago aos agentes de trânsito, que poderiam passar a integrar a guarda civil. A pauta já foi discutida pelos servidores com o Prefeito Municipal, com apoio do vereador Germano Camacho e do Sindicato dos Guardas Civis do Rio Grande do Sul (foto). Germano já começou a articular com os demais vereadores a aprovação do projeto de reajuste, que tem sinal verde da Administração.

PCdoB larga na dianteira

O PCdoB santanense não vai esperar a virada do ano para tratar o processo eleitoral de 2020. Sob a presidência do líder comunitário Josué Rodrigues, o partido já vem discutindo pautas comuns com outras agremiações do campo popular e conseguiu articular uma base firme para a disputa do ano que vem. Um dos partidos com os quais já definiu alinhamento é o PV (foto), atualmente coordenado por Marco Retegue. Nó próximo dia 18, à noite, o PCdoB realiza sua convenção municipal, na Sociedade Espanhola, para eleição da Executiva e aprovação da nominata de pré-candidatos à vereança.

Grupo Aplateia

Adicionar Comentário