Inter deverá ter marcação reforçada diante do Palmeiras na quarta

A forte marcação deve ser a principal arma do Inter para o enfrentamento com o Palmeiras, quarta-feira, em São Paulo, no primeiro jogo entre ambos pelas quartas de final da Copa do Brasil. Um jogo pesado logo na retomada da temporada e que fará com que Odair Hellmann adote uma postura mais cautelosa. O treinador já definiu que Patrick atuará no lugar de D’Alessandro no meio-campo.

zagueiro Rodrigo Moledo e o volante Rodrigo Dourado são dois reforços que Odair ganha em relação à equipe que terminou jogando antes da parada da Copa América. “Sabemos da qualidade do time do Palmeiras. É uma grande equipe, assim como a nossa. Não podemos pensar no segundo jogo e depender da partida de volta, vamos buscar a vitória”, diz Moledo.

O Inter terá nesta segunda-feira o retorno do centroavante Paolo Guerrero. O peruando volta após defender a seleção de seu país na Copa América, competição na qual foi vice-campeão e marcou três gols. O jogador será avaliado pela comissão técnica e o departamento médico para saber se tem condições de enfrentar o Palmeiras na quarta-feira ou será preservado.

No último sábado, o Inter fez um jogo-treino contra o Brasil de Pelotas, no Beira-Rio, com os portões fechados. O gol de Cristian, nos acréscimos do segundo tempo, definiu a vitória do Xavante por 1 a 0. “Nossa preparação foi boa. Hoje (sábado) testamos com portões fechados para testar alternativas na equipe, opções que podemos ter durante os jogos. Não posso abrir muita coisa”, destacou Rodrigo Moledo. O defensor, que sofreu uma lesão muscular pouco antes da parada da Copa América, garantiu estar recuperado.

“Estou bem, aproveitei esse período da Copa América para aprimorar a parte física e estar 100%. Voltei a trabalhar com bola e estou recuperado”, afirmou. A partida contra o Palmeiras será a primeira sem a presença do lateral-esquerdo Iago, negociado com o Augsburg, da Alemanha. O Inter contratou o lateral Natanael, que veio do Ludogorets, da Bulgária, mas quem ocupará a posição, pelo menos neste primeiro momento do segundo semestre, é Uendel.

Grupo Aplateia