Camelódromo pode ser removido do Largo Hugolino Andrade

A indefinição é uma das palavras que definem o atual momento dos camelôs em Sant’Ana do Livramento. Desde 2004, os 106 trabalhadores do Centro Popular de Compras têm as suas bancas instaladas no Largo Doutor Hugolino Andrade.

De acordo com os Camelôs, surgiu a possibilidade da remoção dos mesmos, a notícia pegou a todos de surpresa, pois não há definição de um novo local, nem mesmo se a notícia é verdadeira.

O local foi cedido por 10 anos para a categoria sem ônus, sofre o risco de ser modificado. “Eu não fui notificado de nada, nenhuma ação de desapropriação do camelódromo, o que há são apenas informações de terceiros”, disse o presidente da Associação dos Camelódramos, João Carlos Brum.

Grupo Aplateia