dom, 21 de abril de 2024

Variedade Aplateia | 20 e 21.04.24

Forças de segurança lançam Operação Fronteiras e Divisas Seguras

Na manhã de segunda-feira (1º), a Brigada Militar participa do lançamento da 1ª edição de 2024 da Operação Fronteiras e Divisas Seguras, com lançamentos simultâneos em vários municípios do estado. A ação é um esforço integrado com foco na prevenção e repreensão aos crimes transnacionais. Ao todo, participam a BM, a Polícia Civil do RS e instituições da segurança pública e fiscalização de outros três estados (PR, SC e MS) e de três países (Argentina, Uruguai e Brasil).

A iniciativa propõe da integração entre as forças de segurança, com a execução de ações conjuntas, o aperfeiçoamento profissional dos integrantes das forças e a realização de investigações e operações integradas, com compartilhamento de dados de inteligência. As ações operacionais têm foco na prevenção e repressão ao tráfico de drogas e armas e a crimes como contrabando e descaminho. A Brigada Militar participa com 14 comandos regionais e 34 batalhões.

A última edição da Operação Fronteiras e Divisas Seguras aconteceu no mês de novembro de 2023. A Brigada Militar empregou um efetivo de 3,28 mil policiais e 1,01 mil viaturas. Entre os resultados operacionais da BM, a iniciativa resultou em 178 prisões, na apreensão de 20 armas, 140 munições de fogo e 124,8 quilos de entorpecentes.

Até quando mulheres serão mortas por serem mulheres?

Revoltante. Esta é uma das palavras que pode ser utilizada para adjetivar os casos de feminicídios que estão acontecendo na Fronteira “da Paz”. Onde está a sociedade quando um crime desses acontece? Sim, sociedade. Apesar dos territórios, sejam eles brasileiro ou uruguaio, terem por dever garantir a segurança dos seus cidadãos, todos que fazem parte da comunidade têm uma parcela