seg, 15 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Polícia Civil realiza paralisação e organiza outra para o dia 31

Cartazes na porta da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) (Foto:Yuri Cardoso/AP)

A Polícia Civil realizou, nesta segunda-feira (29), uma paralisação para reivindicar a reposição salarial ao Governo do Estado. A categoria já adiantou que caso não haja aceno positivo realizará um novo movimento na próxima quinta-feira (31).

O representante da Ugeirm-Sindicado dos Agentes da Polícia Civil- em Sant’Ana do Livramento, comissário Ferreira, disse que a paralisação é necessária e que somente desta forma o governo do estado tem aceito dialogar e discutir as demandas. Segundo ele, a categoria está há sete anos sem a reposição da inflação. “Não estamos pedindo aumento de salário”, frisou.

“É inadmissível que um governo que alardeia um grande superávit no estado, um governo que alardeia a queda drástica da criminalidade no Rio Grande do Sul […] não queira sentar em uma mesa de negociações e nos dar o que nós temos o direito”, disse o comissário.

Na semana passada, foi realizada uma marcha em Porto Alegre com cinco mil servidores na frente do Palácio Piratini com o intuito de pressionar o governo, a pelo menos conversar com a categoria. “Até agora o governo do estado não sentou na mesa para discutir a reposição”, contou Ferreira.

O Policial disse que em um primeiro momento o governo disse que daria 5,40%. “É um absurdo diante do quadro que se apresenta”, opinou.

A paralisação é no dia 29 e 31. A paralisação se dá das 08h ás 18h, os crimes graves serão atendidos (tráfico, homicídio, registro de Maria da Penha, flagrantes) na Delegacia, em regime de urgência, neste horário.

Já os crimes menores podem ser registrados pela Delegacia Online, mas todos os casos vão ser discutidos e estudados, “mas a princípio somente os crimes graves serão atendidos, tanto na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), quanto na Delegacia localizada na Silveira Martins”, finalizou o comissário Ferreira.

Cartazes na porta da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) (Foto:Yuri Cardoso/AP)

Queijos produzidos em Livramento conquistam 4 medalhas de ouro no Prêmio Queijo Brasil 2024!

Aconteceu de 7 a 9 de julho, a 7ª edição do Prêmio Queijo Brasil, concurso nacional que todos os anos avalia a produção das agroindústrias do país. Nesta edição, mais uma vez a empresa Terroir da Vigia, especializada na produção de queijo à base de leite de ovelha, esteve concorrendo com seus produtos. Segundo os proprietários da agroindústria santanense divulgaram

A RECONSTRUÇÃO DA DIGNIDADE

Gilberto Jasper Jornalista/[email protected] A fase está tão ruim que a menor notícia de que teremos dias de sol com temperatura “amena” já nos enche de regozijo. Dizem que poderemos ter a ocorrência de uma temperatura de 28°C, o que, pelos padrões das últimas semanas, corresponde a uma temporada de verão em pleno inverno. Estamos “apenas” na segunda metade de julho.