qua, 17 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

“Mais Bela Negra e Mais Belo Negro 2021” acontece de forma online na fronteira nesse mês de maio

As inscrições do evento realizado pelo Movimento de Mulheres Negras Santanense podem ser feitas até o dia 10 de maio
logo movimento de mulheres negras
Foto cedida/AP

O Movimento de Mulheres Negras Santanense retomou suas atividades em março deste ano e está com as inscrições abertas para o concurso “Mais Bela e Mais Belo Negro Baby e Infanto Juvenil” até o dia 10 de maio. De acordo com Claúdia Mendes, coordenadora do Movimento, o concurso vai ao encontro de um dos principais objetivos que é trabalhar a autoestima em crianças negras e apresentá-las à sua cultura, promovendo a solidariedade. “O Concurso será totalmente online e terá três etapas que serão previamente divulgadas nas redes sociais. Para a inscrição, é necessário entregar  alimentos não perecíveis que contam pontos para classificação. Nosso maior desejo sempre foi conseguir uma sede, para que possamos realizar nossas promoções e atividades, bem como a criação de uma afroteca”, relatou Cláudia Mendes.

Relembre a História do Movimento de Mulheres Negras Santanense

O MMNS foi fundado em 08 de setembro de 2001 pelas professoras Rosa Maria Freitas Santiago, Maria Helena Gomes (in memoriam) e Santa Carmosina Gomes. O principal objetivo é reunir mulheres negras, sendo caracterizado como movimento social e apartidário, com o objetivo principal de promover oportunidades iguais à população afrodescendente, em especial para as mulheres negras. Nos últimos 20 anos, o movimento realizou diversas ações e atividades de enfrentamento ao racismo na sociedade santanense. No início de sua fundação, o MMNS ofereceu cursos pré vestibular e aulas de reforço escolar para crianças e adolescentes, além de palestras, rodas de conversa e a participação do grupo de danças afro Malaika nas escolas, sempre evidenciando a Cultura Afro.

As inscrições podem ser realizadas pelos telefones (53)98401-7846 com Cláudia Mendes ou com Rosália Margarete (55)98456-3089.

 

Debora Castro

[email protected]

Movimento de mulheres negras santanenses
Foto cedida/AP

Lorenzoni e Camozzato oficiam MP de Contas sobre projetos do governo que reestruturam carreiras

Os deputados Rodrigo Lorenzoni (PL) e Felipe Camozzato (NOVO) protocolaram na tarde desta quarta-feira (17), no Ministério Público de Contas do Estado do Rio Grande do Sul, ofício alertando o Procurador-Geral Ângelo Borghetti sobre possível manobra fiscal imprudente e gestão temerária por parte do governador Eduardo Leite.   A decisão de recorrer ao MPCRS foi tomada após os deputados conhecerem