qua, 17 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 13 e 14.07.24
Aplateia Digital | 13 e 14.07.24

Última Edição

Polícia Rodoviária Federal lança a operação “Volta às aulas”

João Victor Montoli – [email protected]

Operação terá fase de fiscalização a veículos escolares

Na tarde da quinta-feira (13), no auditório do 10° Batalhão de Bombeiros Militares em Sant’Ana do Livramento, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou uma reunião de conscientização e orientação de início da Operação “Volta às Aulas”.

A operação tem como objetivo a fiscalização dos veículos de transporte escolar em todo o território nacional, com foco na prevenção e redução dos acidentes de trânsito. A reunião teve a presença de representantes dos órgãos de fiscalização, a prefeitura e secretarias municipais, de sindicatos e prestadores de serviços de transporte escolar de Sant’Ana do Livramento.
Durante a reunião, foram apresentadas exigências para a prestação do serviço com segurança e em observância às normas de trânsito, essenciais para um retorno das atividades escolares e um ano letivo seguro. A segunda fase da operação terá um período de fiscalização intensa e rigorosa dos condutores e dos veículos destinados à condução de alunos.

O chefe operacional da 11ª Delegacia da PRF em Livramento, Fabiano Garcia, comentou de como foi a reunião e também o combate aos transportes clandestinos: “Essa reunião serviu para darmos as orientações para órgãos públicos e também empresas que realizam este transporte sobre a nossa fiscalização que acontecerá no período escolar, sempre em virtude da segurança e conforto das crianças e adolescentes que são transportados nos veículos. Tivemos alguns registros de transportes que não tinham toda a documentação e capacidade necessária para a realização deste tipo de atividade e conseguimos através da fiscalização combater este tipo de transporte que não é o adequado para nossos filhos”, conta.

Atenção da família na hora de escolher o transporte

O PRF Fabiano Garcia ainda ressaltou a importância da fiscalização por parte dos pais e familiares para que não contratem sem saber um serviço de transporte irregular: “O melhor tipo de fiscalização é perguntar ao motorista e ao dono do serviço se está tudo regularizado, caso haja algum tipo de dúvida sobre a legalidade do serviço, é necessário que seja levado ao conhecimento do poder público para que seja realizada uma vistoria aos veículos desta empresa, para que seja atestada sua capacidade, ou não de realização deste serviço”.

Lorenzoni e Camozzato oficiam MP de Contas sobre projetos do governo que reestruturam carreiras

Os deputados Rodrigo Lorenzoni (PL) e Felipe Camozzato (NOVO) protocolaram na tarde desta quarta-feira (17), no Ministério Público de Contas do Estado do Rio Grande do Sul, ofício alertando o Procurador-Geral Ângelo Borghetti sobre possível manobra fiscal imprudente e gestão temerária por parte do governador Eduardo Leite.   A decisão de recorrer ao MPCRS foi tomada após os deputados conhecerem