sex, 12 de julho de 2024

LOGO GRUPO A PLATEIA capa branco
Variedades Digital | 06 e 07.07.24
Aplateia Digital | 06 e 07.07.24

Última Edição

A Belizária não vai calar

Obras iniciaram, mas foram pausadas em razão das chuvas durante a semana (Foto: Elis Regina/AP)

Obras começam na galeria, mas ainda devagar

Com relação à galeria que desabou ainda em 2018. O local já vem apresentando problemas há oito meses. A reunião aconteceu ao lado da cratera com a presença expressiva de moradores. Populares passaram por recentes enchentes que destruiu móveis, eletrônicos e eletrodomésticos.
Além das enchentes os moradores estão obrigados a conviver com o cheiro forte, ratos, baratos e o número crescente de mosquitos

Moradores montaram um grupo para manter cobrança com o Poder Público e Justiça. Proprietária do imóvel danificado com o desabamento também uniu forças com os populares.
(Foto: Elis Regina/AP)

O Grupo irá novamente procurar o Ministério Público e pedir uma intervenção na situação. Mesmo com o início da obra esta semana, os moradores da localidade pretendem buscar na Justiça o ressarcimento dos prejuízos e forçar o Poder Público a estruturar o local. Os moradores acreditam que a obra será apenas paliativa e temem que os problemas retornem com o tempo.
O Secretário de Obras, Ricardo Dutra, disse que “a empresa já está contratando pessoal, comprando as madeiras e produzindo as formas”.
Ainda não se sabe o tempo que a obra será concluída por razão das chuvas, sempre que há alguma precipitação os trabalhos na galeria são interrompidos.
Diante das inúmeras reclamações e pedidos de providência, alguns moradores afirmar estarem sendo perseguidos por secretários e assessores da prefeitura, inclusive, intimidados sempre que concedem alguma entrevista para a rádio.