ter, 21 de maio de 2024

Variedades Digital | 18 e 19.05.24

Ocupantes de cargos do PSB planejam atividades para além do dia marcado para a saída do Governo

Administrador da Santa Casa, Wainer Machado prefere deixar o assunto para mais adiante (Foto: Marcelo Pinto/Arquivo AP)

Secretário de Saúde anuncia inclusive aquisição de novas viaturas e outras melhorias na área

Os usuários do Sistema Único de Saúde-SUS em Sant’Ana do Livramento devem passar a contar, a partir do início de 2019, com os serviços da Clínica de Visão de Rosário do Sul, que começará atender diretamente no município, acabando com a necessidade do deslocamento até a cidade vizinha para consultas, exames e outros procedimentos. A iniciativa, segundo o secretário municipal da Saúde, Sérgio Aragón, faz parte do projeto de reestuturação da saúde em Livramento, que terá continuidade no ano novo.
Segundo Aragón, também fazem parte da reestruturação a aquisição de novos veículos. “Ontem (quarta-feira, 26) compramos mais três veículos sedan, um microônibus e chegam ainda mais duas camionetas”, comemora ele. “Isso é uma conquista para o Município”, avalia ele, que ainda estuda ações para concluir o projeto de reestruturação da saúde em Livramento.
O comentário do Secretário foi feito na última quinta-feira, 27, a semana que antecede o prazo limite anunciado pela vice-prefeita Mari Machado para a saída do PSB do Governo Municipal. Além da própria vice, eleita junto com o prefeito Solimar Charopen, o “Ico”, nas eleições municipais de 2016, o PSB ainda ocupa dois cargos importantes no primeiro escalão da Administração e um cargo na direção do hospital Santa Casa de Misericórdia, que continua sob intervenção administrativa da Prefeitura Municipal.
Os cargos são ocupados pelo atual presidente do partido, o administrador e gestor público Sérgio Aragón, na Secretaria Municipal da Saúde, pela advogada Carla Saraiva, na direção geral do Sistema Previdenciário Municipal-SISPREM, e pelo ex-prefeito e ex-presidente do partido Wainer Machado, na direção administrativa da Santa Casa. Além desses, outros cargos de menor expressão também vinham sendo ocupados por integrantes do partido, mas vários já foram exonerados à revelia do acordo político entre o PSB e o PDT, partido do prefeito Ico Charopen.
O distrato do acordo levou a uma previsível situação de confronto que culminou com o anúncio, feito pela vice-prefeita Mari Machado, de que a Executiva Municipal do PSB decidiu sair definitivamente do Governo Municipal, entregando os cargos ocupados pelos representantes do partido. Segundo a vice-prefeita, o PSB estabeleceu um prazo limite até o próximo dia 6 de janeiro para que todos os integrantes do partido peçam demissão dos cargos que ocupam.
Nos bastidores políticos, porém, comenta-se que alguns dos socialistas que ocupam cargos na Administração teriam sido contatados por representantes do alto escalão do Governo Municipal sobre a possibilidade de permanecerem nas funções que exercem. Um dos convidados a permanecer teria sido o próprio presidente do PSB e secretário de Saúde Sérgio Aragón. Questionado pela reportagem, ele respondeu apenas que a permanência no cargo “é possível”, caso haja o convite. Nesse caso, porém, não seria em representação do partido.
Na mesma situação estaria o ex-prefeito Wainer Machado, que atua na administração da Santa Casa. Procurado pela reportagem, Wainer disse preferir tratar esse assunto mais adiante. “Agora é fim de ano. Falamos depois”, retornou. Assim como Aragón, está otimista quanto ao trabalho feito para melhorar as condições do hospital. Aragón ainda lembra: “A partir de janeiro iremos implantar o Centro de Atendimento Especializado na Saúde da Criança, com neuropediatra, psiquiatra infantil, psicóloga, terapeuta ocupacional e pediatra”. São ações que certamente transcenderão o prazo estabelecido pela vice-Prefeita.

Aragón: reestruturação da saúde continua (Foto: RedeSocial)
Administrador da Santa Casa, Wainer Machado prefere deixar o assunto para mais adiante (Foto: Marcelo Pinto/Arquivo AP)