Geral

Protejam Nossas Crianças

Atividades alusivas ao Dia Nacional de Luta contra o Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes aconteceram nessa quinta-feira (18) no Parque Internacional

A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Assistência e Inclusão Social, Conselho Tutelar, COMDICA, Conselho Municipal de Assistência Social, e demais parceiros, lançaram nessa quinta-feira (18) a campanha de enfrentamento à violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.
O  dia 18 de Maio,  instituído pela Lei Federal No. 9970/00,  como o Dia Nacional de Luta Contra o Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.  tem sua razão de ser.   Nessa data,   em 1973, em Vitória, Espirito Santo, um crime que ficou conhecido como “Crime Araceli” chocou o País.
Araceli era uma menina de apenas oito anos de idade que foi raptada, violentada e cruelmente assassinada. O corpo da menina apareceu carbonizado, após seis dias de seu sequestro. Os agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos.
As ações realizadas nessa quinta-feira (18), no Parque Internacional, em alusão ao Dia de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes incluíram confecção de faixas e cartazes, palestras, rodas de conversa, intervenções artísticas e culturais, informações sobre a família, acompanhamento de condiciolidades (vacinas e pesagens) e por fim, uma caminhada binacional no centro da cidade e também em Rivera.
Segundo Carla Saraiva, Secretária da Assistência Social, a maneira de se combater a violência sexual contra crianças e adolescentes é a prevenção. O trabalho informativo junto aos pais e responsáveis é essencial para que estes se atentem a possíveis sinais de violência a nossas crianças, seja ela de natureza física, psicológica ou sexual.
Além da prevenção, o combate a essa realidade exige que os casos sejam denunciados. Carla sugere, portanto, que  qualquer suspeita de caso de abuso ou violência sexual infantil, procure o conselho tutelar, ou ligue para o Disque Denúncia Nacional, de número 100.

Por: Julie Ane Rittes - redacao@jornalaplateia.com - 19/05/2017 às 10:03

 

Deixe seu comentário