ter, 19 de outubro de 2021

Aplateia Digital - 16/10/21

Última Edição

Câmara rejeita inclusão de acusações de Júlio Doze na CPI

Segundo vereadores, as acusações feitas no Programa Resenha Livre, são “fofocas de facebook” e não devem ser apuradas
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga possíveis irregularidades no Loteamento Manoela por parte da Cooperativa Inovar e agentes públicos, rejeitaram, por maioria, a inclusão das acusações feitas por Júlio Doze, presidente do Partido Social Liberal (PSL) no Programa Resenha Livre, sobre ocupações de moradias irregulares por parte de assessores parlamentares, no residencial.

O presidente da CPI, vereador Felipe Torres (DEM) tirou print da matéria do Jornal A Plateia que relatava as acusações feitas por Doze e colocou em votação a inclusão do material nos autos do processo, sendo rejeitado pelos vereadores: Lídio Mendes Melado (PTB), Maria Helena (PDT), Cleber Custódio (PDT), Gilbert Gisler Xepa (PSB), Leandro Ferreira (PT), Jovani Romarinho (Republicanos), Elso Alvienes (PSC) e Aquiles Pires (PT). O único parlamentar favorável foi o progressista Maurício Galo Del Fabro, que sugeriu ainda a solicitação das possíveis provas que Doze disse que tem.

Um dos parlamentares contrários a inclusão do material, o vereador Aquiles Pires disse que a CPI está atrasada e não pode dar ouvido a “fofocas de facebook”. “Se tem às provas que encaminhe a esta casa, agora, não pode ficar fazendo ilações. Se nós ficarmos dando confiança para estas ilações, nós não vamos a lugar nenhum”, disse.

RELEMBRE AS ACUSAÇÕES

O presidente do Partido Social Liberal (PSL), Júlio Doze afirmou, nessa terça-feira (05), que asses  sores parlamentares de vereadores de Sant’Ana do Livramento estão morando irregularmente no Loteamento Manoela e que tem provas. “Eu acho melhor assessores políticos começarem a fazer as malas e se mudarem das casinhas que adquiririam furando fila”, disse e complementou, “se forem espertos que se mudem”.

Doze disse que sabe quem são os assessores e que entregou o material probatório à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga possíveis irregularidades no Loteamento que é empreendimento do programa extinto “Minha Casa, Minha Vida”. Sem citar nomes afirmou: “Tem dois assessores parlamentar, já passei os nomes e endereços para um integrante da CPI do Manoela”. Ele ainda disse que tem vídeo de uma pessoa pagando propina.

As afirmações foram feitas no programa Resenha Livre, no Facebook do Jornal A Plateia e no YouTube da TV A Plateia, nessa terça-feira (05).

FUTEBOL: PAIXÃO SEM SENTIDO. MAS É PAIXÃO!

Buenas!,   Nesta semana, depois de quase dois anos, frequentei um estádio de futebol. Não há porque guardar segredos, não sou comentarista esportivo, portanto confirmo