dom, 11 de abril de 2021

Jornal A Plateia Digital - 03.04.2021

Última Edição

Prefeitura tenta reverter bandeira preta na justiça

Ação pede o retorno da cogestão no combate à Covid-19 em Sant’Ana do Livramento
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Prefeita Ana Tarouco (DEM)

O Executivo Municipal de Sant’Ana do Livramento protocolou, na noite desta segunda-feira (1º), uma ação judicial contra o Governo do Estado para que a cogestão volte a valer no município. Desde o último sábado (27), o governador Eduardo Leite (PSDB) colocou todo o Rio Grande do Sul em bandeira preta e suspendeu a cogestão que dava a possibilidade dos municípios em manterem medidas mais brandas.

Entre os tantos motivos argumentados pelo Executivo, está o comércio fechado em Livramento. Com a cogestão, a Prefeitura poderia reabrir o comércio não essencial, que atualmente trabalha somente com tele-entrega.

Procurada pelo Jornal A Plateia, a prefeita Ana Tarouco (DEM) afirmou que a ação é uma forma de manter empregos. “Lamentamos a atitude unilateral do governador e acreditamos no combate à pandemia com responsabilidade, protocolos e a manutenção do trabalho responsável”, afirmou.

A decisão deve ser distribuída entre os magistrados do Tribunal de Justiça do Estado.

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies