Fagulha de lareira pode ter iniciado incêndio em residência na Vila Municipal

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Corpo de Bombeiros foi acionado no fim de tarde desta segunda-feira (1º), para atender uma ocorrência de um incêndio. Uma fagulha de uma lareira pode ter sido a causa de um incêndio na residência de um casal de idosos na rua Ângelo Martins Álvares, na Vila Municipal.

Os bombeiros rapidamente chegaram até o local para atender o sinistro. Após alguns minutos de combate as chamas, a guarnição conseguiu controlar a situação, Apesar do susto, ninguém ficou ferido, a casa teve destruição parcial. Neste momento ocorre a realização do processo de rescaldo para evitar que novos focos de incêndio surjam após a retirada da guarnição. Os idosos foram intoxicados pela fumaça e foram socorridos por moradores das proximidades.

Fagulha pode ter sido a causadora do incêndio

Segundo informações preliminares, uma fagulha da lareira da residência do casal de idosos pode ter sido o que iniciou o incêndio, confira algumas dicas para evitar acontecimentos como este:

Certifique-se que estes estejam instalados em locais seguros da casa, distantes de tubulações a gás, cortinas e móveis.

_ Não deixe objetos acumulados sobre lareiras ou próximos aos fogões à lenha, em caso de princípio de incêndio estes materiais servirão como combustível e tendem a alimentar as chamas, propagando o fogo.

_ Use material próprio para queimar em lareiras ou fogões à lenha, evitando madeira industrializada ou tratada quimicamente.

_ Não permita que crianças alimentem lareiras ou fogões à lenha. Além disso, elas devem manter distância de segurança destes locais.

_ No caso específico de lareiras, utilize tela metálica com malha entre 2 e 5 mm para evitar que fagulhas sejam propagadas para fora do local de queima.

_ Verifique se a instalação das chaminés está em perfeitas condições e em locais seguros.

_ Não coloque lenha em excesso em lareiras e fogões à lenha. Nunca deixe o local sem antes se certificar que o fogo está extinto.

_ Sempre mantenha entradas de ar em ambientes com fogo de lareira, fogões e aquecedores. O ar nesses locais precisa ser renovado, evitando risco de morte por intoxicação com monóxido de carbono – CO, ou mesmo por asfixia em razão do consumo de oxigênio do ambiente.

_ No caso de aquecedores, somente adquira aparelhos certificados pelo Inmetro. Antes de ligá-los, verifique se não há necessidade de realizar algum reparo ou manutenção dos equipamentos.

_ Aquecedores a gás precisam ser aprovados junto ao corpo de bombeiros militar e instalados por profissionais com responsabilidade técnica.

_ Não coloque roupas, utensílios ou objetos sobre os aquecedores.

_ É proibido o uso de álcool ou outros combustíveis para queimas em ambientes fechados.

Foto: Marcelo Pinto

Bastidores – Edis Elgarte – 26/09/2020

Olhar acadêmico A comunidade santanense vai poder contar com uma excelente ferramenta de acompanhamento do processo eleitoral que se inicia, regularmente, neste domingo, 17. Sob

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies