Caminhoneiro santanense é morto em assalto no Nordeste

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Durante uma viagem pelo Nordeste do Brasil, o caminhoneiro Lídio Garcia parou em um posto de combustível para descansar. Mais especificamente na cidade de Pedra Grande, no Rio Grande do Norte, Garcia e mais um grupo de colegas de profissão aproveitaram o domingo para fazer um churrasco no pátio de um posto de combustível.

Tudo parecia bem até que um grupo de criminosos chegou até o estabelecimento e anunciou o assalto. Durante a ação, o bando foi até os motoristas, que estavam almoçando, na tentativa de abordá-los, entretanto, Garcia e alguns colegas reagiram ao assalto.

Como resposta, os bandidos dispararam algumas vezes. Alguns desses disparos acabaram ferindo fatalmente Garcia e outros atingiram o motorista, também santanense, Lameson Borges. De acordo com informações repassadas ao jornal A Plateia, Borges teria sido atingido duas vezes, uma no braço e outra no peito, mas já está recebendo atendimento médico e não corre risco de vida. Os criminosos empreenderam fuga após os disparos.

Nesta segunda-feira, a empresa em que ambos trabalhavam divulgou uma nota de pesar pela morte do motorista. Ainda na nota, o grupo informa que todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas e que espera que as autoridades do Rio Grande do Norte tomem alguma atitude frente ao ocorrido.

 

Abaixo você confere a nota na íntegra:

 

Texto: Murilo Alves

Foto: Reprodução Rede Social

Quebrando paradigmas – Eis a questão!

Sempre fui meio “fora da casinha”. Para os conservadores, uma disfuncionada precisando de ajuda psicológica; para outros, adiante do meu tempo. A história está aí