Goleiros santanenses participam de intensivos na base do Flamengo em Curitiba

Vendendo na rua há 50 anos, Carlos disse que é preciso ter mais que talento para o negócio

Trabalhando forte desde a última segunda feira (27), os jovens santanenses Guilherme e Ryan realizaram dois amistosos. Segundo o pai de Guilherme Galatto e torcedor da dupla Rogério Tavares, os goleiros apresentaram aos treinadores aquilo que era esperado, realizando defesas difíceis e treinando como gente grande: “É muito bom ver tudo isso dando certo. Após os dois primeiros dias da semana serem de treinamentos táticos e técnicos, a dupla participou de dois amistosos, um na quarta e o segundo na quinta-feira. O segundo, realizado na Triest Futebol Clube, foi uma partida de grande exigência dos goleiros da fronteira. A partida abaixo de chuva deixou tudo mais difícil, porém, a qualidade técnica dos garotos foi perceptível ao analisar o placar de 4 x 0 para o C.R. Flamengo. Boas defesas, tempo de reação, qualidade nos passes e posicionamento foram apenas alguns pontos analisados pelos treinadores e com certeza a dupla ofereceu isso”.

Neste momento, os atletas já estão retornando para a fronteira, confiantes para a tão sonhada aprovação. Seu treinador, Bernardo Mendes, orgulhoso de suas “crias”, compartilhou suas defesas e boas intervenções nas suas redes sociais. Até a aprovação na peneira em Livramento e este momento, decorreram dois meses. Tempo esse, de muito treinamento e vontade de se tornar atleta profissional: “Foi uma preparação árdua, estamos na reta final de um forte trabalho e se Deus quiser será recompensado”, destacou Bernardo.

Eles estão disputando com diversos meninos que possuem o mesmo sonho, a ansiedade é grande, mas, os meninos foram orientados para se divertirem, se o resultado não for o esperado, não se deve abaixar a cabeça e lamentar, e sim, se orgulhar de que foram até lá e mostraram a sua capacidade técnica além de já terem em mente de que outras peneiras virão e que sua qualidade não irá diminuir por um resultado negativo.
A resposta será dada em breve, a Fronteira estará na torcida de que essa dupla esteja confirmada para treinar da base deste grande clube e levar o nome de Sant’Ana do Livramento para a base do Rubro Negro.

João Victor Montoli | Joao@jornalaplateia.com

Grupo Aplateia