Protocolado na Câmara de Vereadores o pedido de impeachment de Ico Charopen

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Um grupo de pessoas entregou hoje (9), um pedido formal de impeachment do prefeito, atualmente afastado, Ico Charopen. O grupo de “Bolsonarianos” como se denominam, apresentou na secretaria da Câmara Municipal de Vereadores um pedido formal de impeachment.

O pedido de impeachment tem como base o Decreto Lei 201/67 que diz:

Art. 1º São crimes de responsabilidade dos Prefeitos Municipal, sujeitos ao julgamento do Poder Judiciário, independentemente do pronunciamento da Câmara dos Vereadores:

I – apropriar-se de bens ou rendas públicas, ou desviá-los em proveito próprio ou alheio;

Il – utilizar-se, indevidamente, em proveito próprio ou alheio, de bens, rendas ou serviços públicos;

Ill – desviar, ou aplicar indevidamente, rendas ou verbas públicas;

IV – empregar subvenções, auxílios, empréstimos ou recursos de qualquer natureza, em desacordo com os planos ou programas a que se destinam;

V – ordenar ou efetuar despesas não autorizadas por lei, ou realizá-Ias em desacordo com as normas financeiras pertinentes;

VI – deixar de prestar contas anuais da administração financeira do Município a Câmara de Vereadores, ou ao órgão que a Constituição do Estado indicar, nos prazos e condições estabelecidos;

VII – Deixar de prestar contas, no devido tempo, ao órgão competente, da aplicação de recursos, empréstimos subvenções ou auxílios internos ou externos, recebidos a qualquer titulo;

VIII – Contrair empréstimo, emitir apólices, ou obrigar o Município por títulos de crédito, sem autorização da Câmara, ou em desacordo com a lei;

IX – Conceder empréstimo, auxílios ou subvenções sem autorização da Câmara, ou em desacordo com a lei;

Dentre outros, confira o arquivo completo Decreto 201.67

O grupo de pessoas que realizaram a entrega do arquivo utilizaram como base do pedido a decisão tomada pelo  juiz federal Lademiro Dors, na qual o município não compareceu na audiência de conciliação, audiência esta, que se resultou em uma multa de mais de R$ 4 milhões para o município. confira a decisão do Juiz na íntegra, Clique Aqui

Airton Costa Leites, integrante do grupo que protocolou o pedido, concedeu entrevista: “Estamos exercendo nosso dever como cidadão, o documento é endereçado ao presidente da Câmara de Vereadores para que se lido essa denuncia que entregamos à secretaria. pela mídia está exposto grandes irregularidades deste governo e nós vendo estes problemas acionamos o Poder Legislativo para que seja realizada a leitura e debate do processo de impeachment do prefeito afastado”, conta.

Confira na íntegra o documento entregue sobre o pedido de impeachment de Ico, Clicando aqui.

Mais detalhes sobre este processo de impeachment você confere na edição impressa deste fim de semana do Jornal A Plateia.