Câmara do Mercosul e Comércio Exterior reúne o agro gaúcho para fortalecer setor

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) realizou na terça-feira (3) a reunião inaugural da Câmara Temática do Mercosul e Comércio Exterior, em evento realizado no Hotel Embaixador, em Porto Alegre. O secretário Covatti Filho apresentou um panorama sobre a produção agropecuária gaúcha e o comércio exterior e destacou a importância deste novo fórum de discussão, criado pelo Departamento de Políticas e Desenvolvimento Rural da Seapdr.

“A Câmara Temática do Mercosul e Comércio Exterior vai fornecer subsídios técnicos aos agentes políticos do Estado junto ao governo federal para tratar das reivindicações dos setores componentes deste fórum, para buscar uma melhor relação comercial entre os países do Mercosul e, principalmente, um fortalecimento e incremento das exportações do agro gaúcho”, disse Covatti Filho.

Secretário Covatti Filho apresentou um panorama sobre a produção agropecuária gaúcha e o comércio exterior
Secretário Covatti Filho apresentou um panorama sobre a produção agropecuária gaúcha e o comércio exterior – Foto: Emerson Foguinho/Seapdr

A apresentação da Câmara Temática ficou a cargo do diretor do Departamento de Políticas Agrícolas e de Desenvolvimento Rural, Ivan Bonetti, que destacou a abrangência do fórum criado. “A câmara engloba os mais variados setores da agropecuária gaúcha, porém pretendemos trabalhar com grupos de trabalho nas questões específicas de cada segmento”, detalhou.

O Rio Grande do Sul é o quarto estado brasileiro nas exportações do agro, com R$ 46,4 bilhões. Entre os produtos mais exportados estão carnes, couros, animais vivos (exceto pescados), o complexo soja e produtos florestais.

A Câmara Temática Mercosul e Comércio Exterior foi criada pelo Decreto nº 54.770, de agosto de 2019, e tem entre seus objetivos subsidiar políticas públicas em âmbito estadual e federal, estimular a prospecção de novos mercados, avaliar situações problemáticas, buscar soluções e antecipar-se para evitar crises e reduzir assimetrias existentes na produção, comercialização e industrialização de produtos agropecuários.

Diretor Políticas Agrícolas e de Desenvolvimento Rural, Bonetti disse grupos de trabalho abordarão questões de cada segmento
Diretor Políticas Agrícolas e de Desenvolvimento Rural, Bonetti disse grupos de trabalho abordarão questões de cada segmento – Foto: Emerson Foguinho/Seapdr

A reunião inaugural contou com a participação de representantes das seguintes entidades: Fiergs, Farsul, Famurs, Fetag, Federarroz, Federação Apícola do Rio Grande do Sul, Asgav, Associação dos Produtores de Milho, Afubra, Acsurs, Arco, Instituto Brasileiro de Erva-Mate, Sindilat, Sinditrigo, Sinditabaco, Sindimate, Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos, Sindimadeira, Ageflor, Conab, Irga, Emater-RS, IBPecan, Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, BRDE e Ministério das Relações Exteriores.

Educação na pandemia

Por: Mariela Perez Elguy – Docente do Senac Santana do Livramento A educação vem sofrendo mudanças significativas nos últimos tempos, levando cada vez mais o

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies