Bastidores – Por Edis Elgarte – 28/09/2019

Para saber quantos somos O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE vai mobilizar mais de uma centena de pessoas diretamente para a realização do censo demográfico de Sant’Ana do Livramento. Já estão abertas as inscrições para o processo seletivo visando a contratação de um Coordenador Censitário da Subárea local e em breve serão realizadas as seleções de agentes censitários e dos recenseadores que atuarão em campo na contagem da população das zonas urbana e rural.
Serão 83 recenseadores para a contagem em Livramento e mais 40 para a contagem da população de Dom Pedrito, na área do IBGE local, além dos coordenadores censitários e dos próprios servidores do Instituto, que coordenam todo o trabalho. A logística já esteja sendo montada – o IBGE está à procura de uma sala mobiliada para instalar o “QG” do Censo 2020 no município – e a preparação envolverá ainda a qualificação dos contratados.
O levantamento de campo será realizado entre os meses de agosto a outubro e, provavelmente, somente no inicio de 2021 poderemos saber, concretamente, quantos são os habitantes de Sant’Ana do Livramento e quais suas características.

Há vagas

O primeiro processo seletivo para o preenchimento de vagas na equipe do Censo 2020 já está em andamento. Desde quarta-feira, 25, até o próximo dia 15 de outubro, estão abertas as inscrições para cargos de Coordenador Censitário das subáreas Livramento (que abrange também Dom Pedrito) e Rosário do Sul (que abrange ainda Cacequi, Santa Margarida do Sul e São Gabriel). Salário de R$ 3.100 mais benefícios. Contrato de até 1 ano.

Apequenamento

Os números do trabalho feito a cada década pelo IBGE são fundamentais para determinar o próprio futuro dos municípios. No censo feito em 2010 foram contados mais de 82 mil moradores em Livramento. Uma estimativa feita em 2015 indicou que a população diminuíra em cerca de 5 mil pessoas. Isso impacta diretamente no volume de recursos federais destinados ao município e até na composição legislativa. A expectativa é de que o número tenha voltado a crescer.

Novos passos

Uma das mais conhecidas lideranças do movimento estudantil e da nova safra política santanense acaba de confirmar sua disposição a novos passos. Filiado ao Partido dos Trabalhadores, onde conheceu e trabalhou junto com a ex-senadora Emilia Fernandes, o estudante de Gestão Pública da Unipampa Douglas Ramos nunca escondeu seu alinhamento com ela mesmo depois que ela saiu do PT para integrar as fileiras do PCdoB. Nesta semana, Douglas decidiu acompanhá-la no novo partido, pelo qual muito possivelmente venha a disputar espaço no Legislativo santanense em breve.

Reta final

Acomunidade contemplada com moradias no Loteamento Manoela continua mobilizada para agilizar a entrega das casas. Na quarta-feira, por iniciativa do vereador Leandro Ferreira, o grupo esteve reunido na Câmara de Vereadores com representantes da Caixa Econômica Federal de Santa Maria, da Construtora Binotto e da Cooperativa Inovar. A construtora confirmou que, após cumpridas as exigências do DAE, o empreendimento segue para sua etapa final, com a conclusão da obra. A expectativa é grande.

Serviços gratuitos

Aescola estadual Vitélio Gazzapina sedia neste sábado, 28, a primeira edição do projeto “Polivalente em Ação”, que vai disponibilizar gratuitamente para a comunidade santanense diversos serviços públicos, como o encaminhamento de 2ª via das certidões de Nascimento e de Casamento, para pessoas de baixa renda, e atendimento em diversas áreas de saúde. O atendimento acontecerá das 9h às 16h, na sede da escola, na rua Hector Acosta. Além dos serviços já referidos, também haverá testes de visão, controle de pressão arterial, orientação sobre vacinação, cadastramento no Cartão SUS, elaboração de currículos profissionais, orientações de segurança no trânsito, solicitação de mamografias, cadastramento no programa Nota Fiscal Gaúcha e palestras sobre violência contra a mulher e sobre a proteção do menor e do adolescente, entre outros.

Água pública

A Frente Parlamentar em Defesa da Água Pública promove seminário para tratar esse tema neste sábado, 28, a partir das 14 horas, no Plenário da Câmara de Vereadores de Livramento. O encontro contará com as participações de representantes do DAE, Sindiágua/RS e ainda da Federação de Funcionários da OSE uruguaia.

Direito, gênero e conexões

A Comissão da Mulher Advogada da Subseção local da OAB, em conjunto com a Escola Superior da Advocacia – ESA/RS e a Comissão da Mulher Advogada do Rio Grande do Sul, vai realizar no próximo dia 11 de outubro, no Solar Dom Pedro, no Armour, o Congresso Internacional de Direito, Gênero e Conexões.
O evento pretende discutir aspectos relacionados com a violência contra a mulher, buscando “aproximar Direito e Justiça através de um olhar humanizado”.
A coordenadora da Comissão da Mulher Advogada em Livramento, Carolina Normey, justifica a iniciativa e destaca importância da pauta:
“Diante do aumento dos casos de violência contra a mulher em todo o país que infelizmente muitas vezes tem acabado em feminicídios, a Comissão da Mulher de Santana do Livramento sentiu a necessidade de congregar informações de países do Mercosul com o intuito de trocar ideias e ações que possam combater ou ao menos diminuir está triste realidade. A violência contra a mulher não se limita a ela, mas afeta toda a família o que por consequência tem reflexos diretos na sociedade como um todo”.
A programação abordará os seguintes temas: “Feminicídio – O ápice da violência doméstica”; “Maria da Penha – Políticas Públicas e a aplicabilidade no combate à violência de gênero”, e; “Informática – Violência Contra a Mulher na Internet nos Países do Mercosul”. No encerramento, a presidente da Comissão do Jovem Advogado de Capão da Canoa e Delegada da Escola Superior de Advocacia apresentará “Uma visão sistêmica em relação à violência contra a mulher”.
O Congresso pretende reunir grandes profissionais brasileiros e do Uruguai: “Em razão da distância da nossa Fronteira em relação aos grandes centros, pensamos em realizar o I Congresso Internacional de Direito, Gênero e Conexões aqui, pelo simbolismo da fronteira que une duas culturas e também pensando em proporcionar aos operadores de direito e demais interessados da nossa região um evento grandioso”, conclama a engajada coordenadora da Comissão da Mulher Advogada.

Ritmo lento

A coordenação e integrantes da histórica e premiadíssima Banda Marcial Santanense continuam enfrentando um leão a cada dia para manter as atividades e custear as muitas despesas de uniformes, instrumentos e deslocamentos que garantem a beleza e o sucesso de suas apresentações. Atualmente, para viabilizar mais uma participação em festival internacional de bandas realizado no Uruguai – para o qual a BMS é convidada anualmente – a turma está mergulhando em diversas promoções, desde a venda de fotografias até uma “vaquinha” virtual, que permite a doação de valores através da internet.

Quem quiser ajudar na manutenção desse grande trabalho artístico-cultural pode acessar a “vakinha” pelo link:
https://www.vakinha.com.br/vaquinha/banda-marcial-santanense-no-uruguay?utm_campaign=facebook&fbclid=IwAR0gjAx0vKkNR1XA94QwQ-2MokTc5don77bKpdezrgjfYVfHLNNX6kQIJ0o

Grupo Aplateia