Noruega bloqueia repasse de R$ 132,6 milhões ao Fundo Amazônia

O ministro do Clima e Meio Ambiente norueguês Ola Elvestuen declarou em entrevista ao jornal “Dagens Næringsliv (DN)” que os impasses envolvendo a gestão do Fundo Amazônia impedem o envio de recursos ao Brasil. Em reportagem publicada nesta quinta-feira (15), o DN afirma que a Noruega decidiu reter o pagamento de R$ 132,6 milhões.

“Enquanto o conselho e o comitê técnico para calcular os resultados do desmatamento estiverem fechados, não há lugar para onde enviar o pagamento”, declarou o ministro em entrevista ao DN. O ministro disse que o Brasil rompeu o acordo que tinha com a Alemanha e a Noruega desde que fechou a diretoria do Fundo.

Além disso, ele citou o aumento nos alertas de desmatamento, afirmando que há motivos para preocupação. “O que o Brasil fez mostra que eles não querem mais parar o desmatamento”, disse o ministro ao jornal DN.

Procurado pelo G1 e pela TV Globo, o governo da Noruega confirmou a entrevista de Elvestuen ao DN, mas não deu detalhes sobre o teor. Em São Paulo, o ministro Ricardo Salles disse que não se surpreende com a decisão da Noruega “porque o fundo está suspenso”.

No último sábado (10), diante do aumento do desmatamento no Brasil, a ministra do meio ambiente alemã, Svenja Schulze, também disse que irá suspender o financiamento de R$ 150 milhões (35 milhões de euros) em projetos para a proteção da floresta e biodiversidade no país. É um dinheiro extra, que não é destinado aos projetos do fundo.

fonte: G1

Grupo Aplateia