Jaguarão inaugura seu primeiro Free shop de fronteira terrestre no RS  

 

Conforme informação publicada pelo site GauchaZH pela jornalista Giane Guerra neste sábado a cidade de Jaguarão inaugura o primeiro free shop do lado brasileiro da fronteira. A loja Caraballat, em Jaguarão, no sul do Estado, recebeu seus clientes e apostou na venda de mercadorias como perfume, brinquedos, tênis e relógios.

Conforme a jornalística, o free shop funcionou no sábado e no domingo de forma experimental , com o objetivo de observar o funcionamento do sistema, que precisa se comunicar adequadamente com a Receita Federal. Nesta segunda-feira (29), a loja não abre e o dia será usado para fazer o balanço do que precisará eventualmente ser adequado. No entanto, o Caraballat reabre em definitivo a partir de terça-feira (30).

— Levantaremos as cortinas para fazer os testes de venda. Queremos aproveitar um encontro de patronos do CTG que deve trazer umas 1,5 mil pessoas para a cidade — garante o dono do Caraballat, Marcos Lemos.

A marca Caraballat foi criada por Lemos para ser uma rede de free shops terrestres. No mínimo, com mais três unidades. O número de empregos diretos por loja varia de cinco a 20 pessoas, sem contar os trabalhadores indiretos contratados por terceirizadas. Lemos comprou um Hulk com três metros de altura para as crianças tirarem fotos na loja.

— Ainda temos que receber mais mercadorias que, mesmo já compradas, ainda passam pelo processo de importação. Mas na próxima semana já começamos a operar sem parar —acrescenta o empresário.

A empresa foi uma das primeiras a receber a autorização final da Receital Federal para funcionar. As lojas francas foram permitidas por lei há mais de cinco anos e passaram por diversas regulamentações desde então. Agora, finalmente, elas saem do papel e prometem movimentar regiões que precisam de um impulso na economia.

A Frente Parlamentar em Defesa dos Free Shops informa que uma operação abriu em Barra do Quaraí na última semana para testes, apenas com bebidas nacionais. A próxima loja franca a ser inaugurada deve ser da Dufry. A multinacional está para inaugurar um free shop em Uruguaiana.

Regras de compras

A cota máxima de compras é de US$ 300 por CPF ou o equivalente em outra moeda a cada intervalo de 30 dias em compras de produtos nacionais. Já o excedente em mercadorias importadas terá taxa de 50%. O software fará este controle e também quanto à quantidade de alguns itens:

 

Bebidas alcoólicas – 12 litros

Cigarro – 20 maços

Charutos ou cigarrilhas – 25 unidades

Fumo preparado para cachimbo – 250 gramas

Grupo Aplateia