Projeto Vida e Esperança

Santanenses criam projeto em beneficio a crianças carentes da Vila Simão Bolivar.
Paula Legestão, 29 anos, foi a idealizadora do projeto Vida e Esperança e conta que a ideia surgiu após ver a necessidade de um local que trouxesse auxilio as famílias da vila que estão expostas a falta de recursos. A equipe, formada por cindo mulheres em parceria com outros colaboradores, oferta às crianças café ta tarde e jantar, além de oficinas como: aula de violão, manuseio de argila, canto de louvores, desenhos e outros.

No momento o projeto funciona em uma pequena peça construída pelos moradores locais, um espaço humilde mas que recebe mais de 23 crianças todas as sextas-feiras e sábados. As responsáveis pelo projeto pedem a colaboração da comunidade para poder construir uma cozinha, com o intuito de melhorar o atendimento às crianças, que muitas vezes fazem a sua única refeição diário no local.

Quem quiser ajudar o Projeto Vida e Esperança pode entrar em contato através do telefone (55) 9 9189 5298 ou dirigir-se até o espaço localizado na Rua Miguel M. de Castro, ao lado da residência de nº 75.

Foto: Marcelo Pinto/AP
Foto: Marcelo Pinto/AP
Foto: Marcelo Pinto/AP

Grupo Aplateia