“Sinto falta dele todos os dias”, diz irmão de Cristiano Araújo quatro anos após a morte do cantor

Aos 23 anos, Felipe Araújo segue os passos do sertanejo morto em 2015

A morte do cantor Cristiano Araújo e sua namorada, Allana Moraes, completa quatro anos nesta segunda-feira (24). O casal sofreu um acidente de carro na BR-153 quando voltava de um show em Itumbiara (GO).

A data está sendo marcada por homenagens de familiares e fãs. O irmão mais novo de Cristiano, Felipe Araújo, falou da falta que o cantor faz.

— Sinto falta do meu irmão todos os dias. Principalmente nos churrascos em família, nas rodas de violão em casa, sinto faltas das brincadeiras. Ele era a pessoa mais alegre que já conheci — comentou ao portal  GShow nesta segunda-feira (24).

Felipe também revelou que, apesar de trabalhar com música desde cedo, foi somente após a tragédia com seu irmão que decidiu se aventurar em uma carreira solo, atendendo a um pedido do pai.

Dono de Espaçosa Demais, um dos hits mais tocados nas rádios do Brasil, Felipe garante que não tem a intenção de gravar alguma música de Cristiano e que prefere preservar o que ele deixou. Eventualmente, apresenta sucessos do irmão em alguns de seus shows, e diz que tem Cristiano como referência musical.

— Com certeza, o Cris estaria orgulhoso da minha caminhada. Ele sabia o quanto eu queria viver de música. Tenho certeza que tem a mão dele no meu sucesso. Ele está cuidando de mim lá em cima — acrescentou.

“O que temos para hoje é saudade”

Pelas redes sociais, fãs também fazem homenagens ao cantor nesta segunda-feira (24). A maioria dos comentários faz referência à música Cê Que Sabe, um dos sucessos de Cristiano Araújo, que começa dizendo “ O que temos pra hoje é saudade”.

Fonte GauchaZH

Grupo Aplateia