Laboratório Dr. Pio realiza seminário sobre qualidade na produção de gêneros alimentícios

Evento aconteceu no auditório da UNIPAMPA e contou com a participação de produtores, técnicos e estudantes

Sant’Ana do Livramento é considerada, hoje, um modelo quando o assunto é produção de alimentos, sobretudo na questão das agroindústrias, agricultura familiar e empresa de alimentação. Pois, foi justamente este o tema escolhido para ser debatido durante o 3º Seminário “Qualidade do Alimento – Bom Para todos” promovido pelo Laboratório Dr. Pio e parceiros.
O evento foi realizado no auditório da UNIPAMPA e contou com um número bastante expressivo de participantes entre produtores, responsáveis técnicos e estudantes. O objetivo do seminário foi promover uma atualização dos agentes que trabalham nesta cadeia produtiva além de proporcionar um espaço para negócios e demonstração de produtos. A anfitriã, Drª Adriana Simões Pires, chefe do laboratório, disse que o objetivo do evento foi alcançado e ressaltou o excelente nível das palestras que foram realizadas. “Nós tivemos mais de 140 escritos, com representações de várias cidades do Rio Grande do Sul e palestrantes com o maior nível. O nosso objetivo foi alcançado, pois, todas as entidades produtores de alimentos do nosso município estiveram presentes. Uma boa representação também de alunos, professores e empreendedores fazendo uma troca de conhecimento e de informações. Nós tivemos, além disso, uma excelente plataforma para a realização de negócios entre os participantes. E tudo isso contribuiu para o sucesso do nosso evento” disse.
Uma das palestras do seminário foi ministrada pela professora universitária e médica veterinária, Cristina Zaffari Grecellé, que falou sobre normas e procedimentos que devem ser adotados durante a manipulação de gêneros alimentícios.”Nosso objetivo aqui é qualificação. Livramento é um município que possui destaque nesta questão das agroindústrias sendo muitas delas, inclusive, reconhecidas pela qualidade dos seus produtos tanto na região quanto fora. E isso faz com que essas pessoas que participaram do evento tenham uma espécie de reciclagem nos seus conhecimentos e uma troca de informações. Este é um evento que chega a sua 3ª edição com o objetivo de unir o conhecimento universitário com o conhecimento adquirido no dia a dia pelo produtor”,comentou a veterinária.
Já o engenheiro agrônomo e técnico da EMATER – Bagé, Juarez Gomes esteve falando especificamente sobre o trabalho realizado pelas agroindústrias da região que têm se destacado em todo o estado e também no país. Para ele essas empresas, na sua grande maioria são familiares, estão contribuindo para uma mudança das áreas rurais onde muitos filhos de agricultores e produtores rurais estão retornando para o campo promovendo desenvolvimento na região. “Nós estivemos abordando aqui o tema das agroindústrias, na área rural, que é bastante diferente da urbana, porque neste primeiro caso o produtor transforma a sua matéria prima e isso permite que ele continue na mesma condição de produtor sem perder a questão da seguridade social. E este é fator muito importante e que vem de encontro com este seminário porque este tipo de atividade está transformando as famílias e o nosso meio rural possibilitando que esse produtor gere renda e emprego. Aqui em Livramento, por exemplo, nós temos 7 empreendimentos rurais cadastrados onde todo os procedimentos são realizados dentro das propriedades e, na região, já temos 132 empresas”, encerrou.
Durante o seminário ainda aconteceu um encontro para a atualização dos responsáveis técnicos das agroindústrias.

Cristina Zaffari Grecellé (Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)
(Fotos: Marcelo Pinto)

Matias Moura – contatomatiasmoura@hotmail.com

Grupo Aplateia

Adicionar Comentário

Anúncios