Santa casa convida a todos para doação de sangue nesta quarta-feira (17)

A Agência Transfusional da Santa Casa de Sant’Ana do Livramento, estará realizando coleta de sangue, nesta quarta-feira no período da manhã das 09:00 às 11:30 e a tarde 13:30 às 16:30.

Doar sangue é um processo fácil, rápido, seguro e solidário. A doação de sangue ocorre quando uma pessoa voluntariamente vai a um centro especializado e disponibiliza seu sangue para ser usado em transfusões ou outras situações clínicas.

No Brasil são coletadas 3,7 milhões de bolsas por ano, o que corresponde ao índice de 1,8%. Na Europa e Estados Unidos, esse percentual é de 5% a 7%. Contudo, o Ministério da Saúde tem investido em diversas ações para aumentar as taxas de doação.

No dia 14 de junho é celebrado o “Dia Mundial do Doador de Sangue” e juntamente com a data diversos hospitais e órgãos de saúde lançam a campanha Junho Vermelho, para incentivar a doação.

Importância da doação de sangue

A falta do estoque de sangue em um hospital pode levar ao cancelamento de cirurgias e de procedimentos. Um exemplo é o paciente que faz quimioterapia, já que, caso não receba o suporte de transfusão, poderá não resistir ao tratamento. “Além disso, pode ser um enorme prejuízo ao paciente o adiamento de cirurgias cardíacas, de transplantes de rim, de fígado, de medula óssea, entre outros procedimentos que necessitam de sangue e de plaquetas”, diz a biomédica Cinthya Duran.

Uma pessoa adulta possui em média cinco litros de sangue e em uma doação são coletados no máximo 450 ml. Ou seja, é menos de 10% de todo seu sangue. Quem deseja doar sangue vai passar por uma avaliação prévia em ambulatório que tem o objetivo de detectar alguns impedimentos, como doenças, para a doação. Essa entrevista é particular e os dados são mantidos sob total sigilo.

Os requisitos para doação de sangue são:

  • Estar em boas condições de saúde
  • Ter entre 18 e 69 anos. Pessoas acima de 60 anos só podem doar se já tiverem doado sangue alguma vez antes dessa idade
  • Pesar no mínimo 50kg
  • Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas)
  • Estar alimentado, por isso evite alimentos gordurosos e aguarde até 2 horas para doar
  • Apresentar documento original com foto, que permita o reconhecimento do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Cuidados pós-doação

Algumas orientações devem ser seguidas pelo doador, veja:

  • Ingerir quantidades extras de líquidos nas primeiras 24 horas após a doação. Isto ajudará na reposição do volume de sangue perdido
  • Não ingerir bebidas alcoólicas por 24 horas
  • Não fumar por 2 horas
  • Evitar exercícios físicos extenuantes por 12 horas, incluindo subir rampas e escadas. Isso porque existe o risco de o doador apresentar fraqueza, tontura ou até desmaiar. Caso utilize o braço puncionado nesse esforço, poderá ter sangramento ou hematoma no local da punção
  • Manter o curativo no local da agulha por 4 horas no mínimo. Caso volte a sangrar, pressionar o local por 2-5 minutos e então trocar a curativo, que deverá permanecer por mais 4 horas.

Doe sangue, salve vidas!

Postado por: João Victor Montoli

Fonte: minhavida.com

Grupo Aplateia