“Estou sendo ameaçada e perseguida”

Vice-prefeita Mari Machado faz fortes declarações na RC FM

Mari Machado fez fortes declarações na rádio RCC FM na tarde desta quinta-feira (10). Durante o Programa Conversa de Fim de Tarde, dentre as várias perguntas feitas, Mari respondeu mais uma vez que jamais foi consultada sobre a ideia da OSCIP e aconselhou as pessoas a ingressarem na Justiça para buscar os seus direitos, assim como ela. Mari disse que depois da saída oficial do PSB do governo, agora sente a liberdade de fazer as análises e críticas que tem direito como vice-prefeita e cidadã. Mari ainda alegou que está sendo ameaçada e perseguida, inclusive de ser expulsa de sua sala na Prefeitura. Mari disse ainda que teve a internet e o telefone cortados de sua sala, além de sua única assessora ter sido assediada e solicitada a filiar-se no PDT, partido do prefeito Ico. Mari alegou que tal ameaça foi feita pelo atual Secretário Geral de Governo. Mari registrou o caso na Delegacia de Polícia e também acionou o Ministério Público.

“Lamentavelmente eu estou impedida de opinar dentro da administração e estou buscando isso por via judicial, fui eleita e tenho que ser respeita como vice-prefeita e como ser humano, Não posso viver sob ameaça. Estou vivendo um assédio moral e sendo vítima de machismo dentro da Prefeitura”.

Ainda sobre a OSCIP, Mari disse quem em 2017 a Prefeitura gastou apenas 8 milhões em um ano com a contratação de professores, e que se surpreende ao ver o Governo pagando quase 10 milhões por apenas seis meses, “não concordo com isso” disse.

Sobre o número de CCs (Cargos de Confiança) Mari disse que o combinado no plano de Governo seria de apenas 70 CCs, atualmente, em consulta no Portal da Transparência, a prefeitura possui 106 CCs, lembrando que o PSB saiu do Governo em definitivo.

A vice-prefeita ainda disse que considera um desrespeito o que acontece com os servidores e professores com salários atrasados. Confira mais sobre a entrevista no vídeo.

Confira mais sobre esta entrevista em A Plateia impresso no final de semana.

Confira trecho da entrevista na RCC FM

Foto Marcelo Pinto

Grupo Aplateia

Adicionar Comentário