Livramento tem a pior nota em índice que mede qualidade na Educação

Informação veio junto com esduto do governador que prevê reduzir de 30 para 12 Coordenadorias de Educação no Estado

Um estudo preliminar do governo Eduardo Leite prevê a redução do número de coordenadorias regionais de Educação (CREs) de 30 para 12. Esta seria uma medida racional, já que a digitalização fez cair consideravelmente a necessidade de atendimento presencial nas CREs. Essas 30 coordenadorias empregam 1,6 mil pessoas, sendo 1,3 mil professores que poderiam estar em sala de aula, segundo avaliação.

Segundo artigo da jornalista da ZH, Rosane de Oliveira, “Eduardo Leite e o secretário da Educação, Faisal Karam, vão precisar de força para resistir à pressão que vem de deputados interessados em acomodar seus protegidos nas CREs. Ex-prefeito de Campo Bom, Faisal conhece a necessidade de racionalizar custos diante da escassez de recursos. A atividade meio não pode ser mais importante do que a atividade-fim” disse ela.

O artigo diz ainda que a ordem do governador é melhorar os índices que medem a qualidade da educação. Verificou-se uma grande disparidade entre os alunos de uma região e outra. A coordenadoria com melhor desempenho no Ensino Médio é a de Bento Gonçalves. A pior é a de Santana do Livramento.

Fonte: GaúchaZH

Foto ASCOM Palácio Piratini

Grupo Aplateia